Atualizado em: 12 junho 2013

Marcas e Tipos de Adoçantes Vendidos no Brasil

O adoçante dietético pode sim, ser utilizado como aliado no tratamento da obesidade, portanto veja abaixo dicas de como escolher o adoçante adequado.
Você Sabia?
Que o adoçante surgiu poe acaso em 1937, um estudante de graduação de química, chamado Michael Sveda, trabalhando com L. F. Audrieth, da Universidade de Illinois, preparava alguns compostos chamados de sulfamatos.
adocante

É cada vez maior a quantidade de produtos adoçantes vendidos no Brasil

Já se foi o tempo de que o adoçante era um hábito exclusivo dos diabéticos. As mulheres atraídas pela idéia de substituir o açúcar, o que é um dos grandes vilões das dietas por um docinho e livre de calorias, cada vez mais as pessoas vem optando por adoçantes na hora de tomar um café ou preparar uma sobremesa. As prateleiras dos supermercados deverão estar cheias de produtos light. E com a grande oferta de adoçantes, surgem diversas dúvidas, se eles são todos iguais ou mesmo fazem mal a saúde.

Este tipo de substância é altamente nocivo a saúde, e está presente em adoçantes, refrigerantes zero, que foi proibido por um tempo nos Estados Unidos já que está ligado ao surgimento do câncer. Uma recomendação dos especialistas é utilizar a sucralose, que é extraída da cana de açúcar, sem calorias e ainda não prejudica a sua saúde.

publicidade:

Adoçantes mais Comuns aqui no Brasil

Frutose
É encontrada em frutas e também no mel, conta com um sabor mais doce do que açúcar, conta com calorias e aumenta os níveis de açúcar no sangue, este tipo de açúcar deve ser consumido com cuidado por diabéticos.

Esteviosideo
Esta é extraída de uma planta nativa da América do Sul. O que tem um sabor bastante próximo ao do açúcar, encontrado em fórmulas de adoçantes e gelatinas, não tem calorias e é permitido para diabéticos já que não altera os níveis de açúcar no sangue.

Sorbitol
É encontrado em diversas frutas, como a maçã, a ameixa, e ainda em algas marinhas. Conta com um valor calórico e não é recomendado para diabéticos, utilizados em chicletes, balas e ainda biscoitos, tem uma ação laxativa.

Sucralose
Este é extraído da cana de açúcar, mas modificado para não ser absorvido, não eleva a glicemia e pode ser consumido por diabéticos, gestantes e também hipertensos. É vendido como adoçante e está presente em alimento de baixas calorias.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook