Atualizado em: 17 maio 2012

Certidão Negativa de Débitos Municipais

Entenda aqui, como funciona o serviço de Certidão Negativa de Débitos Municipais, algo voltado para todo o Brasil e serve para Pessoa Física e Jurídica!
Você Sabia?
Através do site da Prefeitura de São Paulo, podemos emitir não só a Certidão Negativa de Débitos de Tributos Mobiliários como também a Autenticidade de Certidão Negativa, além das Leis e Decretos assinadas nos últimos anos, algo no qual muitos ainda não sabem, mas que podem se atualizar!
Certidão Negativa de Débitos Municipais

Certidão negativa de Débitos! (Divulgação)

Muitos ainda não sabem, mas há um serviço muito importante voltado a parte pessoal da sociedade, estamos falando da Certidão Negativa de Débitos Municipais, que são emitidos a cada ano pelas prefeituras.

O serviço

O serviço da Certidão Negativa de Débitos Municipais é considerado funcional em vista de alguns outros nos quais muitos reclamam, e isso se formos contar aqui iremos demorar.

publicidade:

No caso desta certidão, funciona da seguinte forma, o serviço é capaz de emitir e confirmar a autenticidade das Certidões de Débitos de Tributos Mobiliários. Caso haja a confirmação do documento em ligação com os seus dados, somente serão exibidas as Certidões Negativas ou Positivas com Efeito de Negativa.

Não só a Pessoa Física, como também os órgãos da Administração Pública, também vão poder requisitar a verificação de certidões através de ofício que esteja no endereço à Praça de Atendimento da Secretaria de Finanças do Município onde for solicitado, no caso de São Paulo, deve ser no Vale do Anhangabaú, 206, ao lado da Galeria Prestes Maia.

Lembrando a todos que a Certidão Negativa de Débitos Municipais, ela é favorecida via internet e é exclusivamente solicitada por pessoas jurídicas ou físicas, isso tendo como base em Lei Decretada pelo número 670/2012, de 30/04/2012. Para você que é de São Paulo, basta apenas acessar o link abaixo e saber mais sobre a certidão.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook