Atualizado em: 28 fevereiro 2011

Brasil tem 9,9 milhões de residências com TV por assinatura

tvporassinatura

O mercado de TV por assinatura brasileiro assinalou crescimento de 1,6 pontos percentuais em janeiro de 2011, em relação a dezembro do ano passado. Nos últimos 12 meses, o setor cresceu 30,2%.

publicidade:

O serviço de TV paga recebeu 155,4 mil novos assinantes em janeiro deste ano, totalizando em todo território nacional, 9,92 milhões de residências atendidas, segundo o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Considerando o número médio de pessoas por domicílio divulgado pelo IBGE de 3,3 pessoas, o serviço já alcança cerca de 32 milhões de brasileiros.

Houve um crescimento de 3,13 por cento nos serviços de TV por assinatura via satélite em janeiro. Esta modalidade de serviço responde por 46,5% do total de assinantes

Carlos SlimA TV via cabo cresceu 0,48% em janeiro e corresponde a 50,4% do total de assinantes. Operadoras de TV por micro-ondas perderam 2,78% do mercado. A TVA é uma das operadoras que atua nesta última modalidade de distribuição dos sinais da TV por assinatura.

Na Região Sudeste, cerca de 25% dos domicílios são assinantes de algum tipo de TV paga. A unidade da Federação com maior densidade do serviço é o Distrito Federal, onde 33,1 a cada 100 domicílios tinham TV por assinatura em janeiro.

Rumores dão conta que o empresário mexicano Carlos Slim, considerado o homem mais rico do mundo, decidiu fundir suas empresas no Brasil. Sim, estaria pensando em fundir a Claro (telefonia móvel), Embratel (telefonia fixa) e a NET (internet e TV por assinatura) numa única companhia, ganhando, assim, eficiência e reduzindo custos.

Se os rumores se confirmarem, a nova empresa mudará o cenário da TV por assinatura brasileira.

Via Agência Brasil

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook