Atualizado em: 18 julho 2011

PlayStation Network volta ao ar esta semana

Após dez dias com a PlayStation Network fora do ar devido a acção de hackers, a Sony anuncia que a rede voltará a funcionar esta semana após ações de segurança.

playstation-network-psnAos poucos, tudo começa a voltar ao normal na PlayStation Network. Após mais de dez dias fora do ar por causa de um ataque realizado por hackers, a Sony planeja restaurar o serviço no decorrer desta semana. Haverá desconto pelos dias em que a rede esteve indisponível mas os dados pessoais e números de cartões de crédito dos usuários já estão a venda em fóruns hacker.

A plataforma está inativa desde 20 de abril, depois que a própria empresa resolveu redesenhar a rede e melhorar suas medidas de segurança. Assim, quando as coisas voltarem ao pleno funcionamento, os clientes deverão alterar suas senhas como primeiro passo para recuperar o acesso.

publicidade:

REDE MAIS SEGURA

A Sony revela que foram adicionadas mais camadas de proteção e encriptação de dados, softwares especiais para se defender contra ataques com capacidade de detectar intrusos e comportamentos incomuns, bem como a implementação de firewalls adicionais.

BÔNUS

De acordo com o plano contratado e região geográfica, nas próximas semanas a Sony dará bônus para os usuários afetados. Não só haverá conteúdo gratuito para download, mas será oferecido gratuitamente 30 dias do serviço, com a ideia de começar a restaurar a confiança.

DADOS ROUBADOS

No entanto, nem tudo é positivo. Poucos dias atrás, a empresa confirmou que tinham roubado os dados pessoais dos usuários e, eventualmente, seus números de cartões de crédito. Segundo a empresa de segurança Trend Micro, os dados de 2,2 milhões de contas foram colocados à venda em fóruns com preço a partir de cem mil dólares. A empresa revela que os hackers tentaram vender as informações de volta para a Sony , mas não obtiveram resposta.

Porta-vozes da Sony, entretanto, descartaram a possibilidade de uso dos dados de cartão de crédito dos usuários porque a informação estava criptografada. Mas de qualquer maneira, embora não se possa saber se o banco de dados existe e realmente corresponde à PlayStation Network, o que importa agora olhar para a frente, com medidas de segurança eficazes e protetivas dos usuários.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook