Atualizado em: 7 janeiro 2014

Hugo Gross: Carreira e Polêmicas

O ator Hugo Gross, esta longe da TV desde o fim da novela Aquele Beijo, de 2011, onde atualmente vive uma situação delicada.
Você Sabia?
Que foi no século XIX, surge a linguagem dos Melodramas, onde os atores e atrizes são o foco de atenção na encenação teatral.
Hugo-Gross-4

Ator Hugo Gross é acusado por sua mãe por roubo

Diversos atores ficam reconhecidos por seus trabalhos nas grandes telonas, mas também por suas tumultuadas vidas pessoais. Este é o caso do ator Hugo Gross. O ator mantém seu status de profissional bem sucedido atuando em filmes, novelas, minisséries e muitos outros, estando em alta desde o início de sua carreira.

Passando por diversas novelas famosas, o ator foi acumulando trabalhos e reconhecimento. E junto com seu trabalho, a tumultuada vida pessoal chamou tanta atenção quanto a profissão. Com um bom desempenho e uma vasta lista de novelas feitas, é um dos mais reconhecidos atores da Rede Globo.

publicidade:

Polêmica de Hugo Gross

Nascido em 1964, as polêmicas que envolvem o ator Hugo Gross não são poucas: no mês de abril de 2011, Hugo foi acusado pela ex-mulher de ter invadido sua casa, tendo de ficar, então, a mais de 300 metros de distância da casa dela, por uma decretação judicial. O registro de queixas não parou por aí: a própria mãe do ator se dirigiu ao 13ª DP, na cidade de Copacabana. Dona Maria José denunciou que seus filhos (Hugo e sua irmã) não estavam pagando o condomínio de seu apartamento e nem seu plano de saúde. Gross afirmou que tudo já estava resolvido, mas ainda assim ela insistiu na queixa.

Carreira

Estrou desde cedo, atuando na novela Pão Pão, Beijo Beijo e em seguida, continuou sua carreira em outras novelas bastante reconhecidas, tais como Malhação,Coração de Estudante,História de Amor,A Lua me Disse,Aquele Beijo e O Profeta. Além destes trabalhos, atuou também em Amor Com Amor Se Paga (1984), Bambolê (1987), O Salvador da Pátria (1989), Gente Fina (1990), Meu Bem, Meu Mal (1990), De Corpo e Alma (1992), Tereza Batista (1992), Quatro por Quatro (1994), A Indomada (1997), Zazá (1997), Uga Uga (2000), Agora É Que São Elas (2003), Da Cor do Pecado (2004), Carga Pesada (2006), Casos e Acasos (2008) e Paraíso (2009).

Fotos de Hugo Gross

RTEmagicC_522bdd52ef.jpgimages (4)images (3)images (2)images (1)Hugo-Gross-4Hugo-Gross-2Hugo-Gross8263b65c900af22acaa07d86a3fc8a8b_jpg_640x480_upscale_q9001_16Hugo-Gross-4

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook