Atualizado em: 8 fevereiro 2012

Sínquise - Figura de Linguagem

Figuras de linguagem são recursos da língua portuguesa que desviam das normas padrões para conferir uma maior expressividade à linguagem. Elas estão divididas em quatro: figuras de sintaxe (ou construção); figuras de palavras; figuras de pensamento e figuras de som ou harmonia.

A Sínquise é uma figura de sintaxe, ou seja, é uma figura de linguagem que explora a estrutura das frases.

A palavra Sínquese origina-se do grego sýgchysis que significa “confusão”, “mistura”. Nessa figura de linguagem há uma inversão tão violenta das palavras de uma frase que sua interpretação se torna difícil.

publicidade:

Ocorre uma transposição de palavras tão acentuada que destrói a ordem da frase tornando-a praticamente incompreensível.

Observe abaixo, a quadra do soneto “Taça de coral” de Alberto Oliveira:

Lícias, pastor – enquanto o sol recebe,

Mugindo, o manso armento e ao largo espraia,

Em sede abrasa, qual de amor por Febe

– Sede também, sede maior, desmaia.

O trecho acima, apesar de possuir uma beleza lírica incontestável, é praticamente incompreensível, pois o autor utilizou o recurso da Sínquise. Abaixo, podemos verificar a frase em uma posição correta das palavras.

“Lícias, pastor, enquanto o manso armento recebe o sol e, mugindo, espraia ao largo -, abrasa em sede, qual desmaia de amor por
Febe, sede também, sede maior.”

 

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook