Atualizado em: 9 abril 2013

Processos de Separação de Misturas: Entenda como funciona

Para conseguirmos resultados precisos nas pesquisas e experiências químicas, é necessário que as substâncias químicas utilizadas sejam o mais puras possíveis.
Você Sabia?
Que a ciência química surge no século XVII a partir dos estudos de alquimia populares entre muitos dos cientistas da época. Considera-se que os princípios básicos da química foi vista pela primeira vez na obra do cientista britânico Robert Boyle.
Decantação_de_sólido

Separações de misturas são utilizadas para isolar substâncias

Na química, a separação de misturas é muito importante, pois para conseguirmos resultados precisos nas pesquisas e experiências, é necessário que as substâncias químicas utilizadas sejam o mais puras possível.

Sendo que para se chegar a estas substâncias puras  utiliza-se vários métodos de separação, como os descritos abaixo.

publicidade:

Processos de Separação de Misturas

Decantação: Processo que permite a separação de líquidos imiscíveis (que não se misturam) ou um sólido precipitado num líquido. Exemplos: água e areia e água e óleo vegetal.

Filtração: Método de separação muito presente no laboratório químico e também no cotidiano. É utilizado para separar um sólido de um líquido ou sólido de um gás, mesmo que o sólido se apresente em suspensão. A mistura atravessa um filtro poroso, onde o material particulado fica retido. A preparação do café é um exemplo de filtração.

Centrifugação: utilizada para separar líquidos não miscíveis (que não se misturam) ou um líquido de um sólido insolúvel em suspensão. Para fazer uma centrifugação é preciso uma centrifugadora. Esta máquina faz rodar a mistura (na qual uma das partes tem que ser líquida) a alta velocidade, provocando a separação pela acção da força que é aplicada (do centro para fora).

Cristalização:Método que separa um sólido cristalino de uma solução. Na cristalização há uma evaporação do solvente de uma solução provocando o aparecimento de cristais do soluto  Ex: o aparecimento do sal nas salinas.

Destilação: Método que separa líquido(s) de sólido(s) dissolvidos ou líquido(s) de líquido(s). Na destilação acontecem duas mudanças de estado consecutivas: uma ebulição (vaporização) seguida de uma condensação. Na ebulição é retirado da mistura o componente com o ponto de ebulição mais baixo, e na condensação esse componente volta à sua forma líquida.

Destilação fracionada: Método de separação de líquidos que participem de mistura homogênea ou heterogênea. Quanto mais distantes forem os pontos de ebulição destes líquidos, mais eficiente será o processo de destilação. Aquece-se a temperatura até que se alcance o ponto de ebulição do líquido que apresente valor mais baixo para esta característica e aguarda-se, controlando a temperatura, a completa destilação deste.

Cromatografia: Utilizada para separar substâncias com diferentes solubilidades num determinado soluto. Na cromatografia uma mistura é arrastada (por um solvente apropriado) num meio poroso e absorvente. Como diferentes substâncias têm diferentes velocidades de arrastamento num determinado solvente, ao fim de algum tempo há uma separação dos constituintes da mistura.  Processo é normalmente usado para pequenas quantidades de amostra. Ex. separação dos componentes de uma tinta.

Separação Magnética: Processo que consegue separar componentes que tenham propriedades magnéticas dos que não as possuem. Aproveitam-se as propriedades magnéticas de um dos componentes da mistura para o separar dos outros. Ex. areia e limalha de ferro; enxofre e limalha de ferro.

Extração por Solvente: método utilizado usando-se um solvente que só dissolve um dos constituintes da mistura.
Ex: extracção da cafeína do chá, usando clorofórmio; remover o iodo da água de iodo, com clorofórmio.

Catação: Método de separação bastante rudimentar, usado para separação de sistemas sólido-sólido. Baseia-se na identificação visual dos componentes da mistura e na separação dos mesmos separando-os manualmente. É o método utilizado na limpeza do feijão antes do cozimento.

Peneiração: Método também conhecido como tamisação, este método é usado na separação de sistemas sólido-sólido, onde um dos dois componentes apresente granulometria que permita que o mesmo fique preso nas malhas de uma peneira.

Ventilação: Método de separação para sistemas sólido-sólido, onde um dos componentes pode ser arrastado por uma corrente de ar. Um bom exemplo é a separação da casca e do caroço do amendoim torrado.

Levigação: Método onde a água corrente arrasta o componente menos denso e o mais denso deposita-se no fundo do recipiente. Um bom exemplo é a lavagem da poeira do arroz.

Evaporação: Métodoque utiliza-se  da separação de misturas sólido-líquido por evaporação do solvente, também conhecido como cristalização. Em recipiente aberto, simplesmente permite-se que o solvente evapore, deixando o sólido. Nas salinas, o sal é obtido a partir da água do mar através deste processo.

Marco Scabia, o ex-marido de Daniela Mercury

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook