Atualizado em: 8 maio 2012

Orações subordinadas substantivas: Exercícios e atividades

Confira alguns exercícios e atividades e tire todas suas duvidas sobre as orações subordinadas substantivas. Aprenda em um vídeo detalhado como classificar cada uma delas.
Você Sabia?
Os exercícios complementares são geralmente passados aos alunos de Escolas que oferecem Cursos Técnicos e nas Faculdades, onde há Cursos Superiores.
Orações subordinadas substantivas: Exercícios e atividades

Foto: Divulgação.

Para muitos estudantes o estudo da lígua portuguesa não constuma ser fácil, já que existem muitas regras e a gramática é muito mais complexa que o inglês, por exemplo.

Uma das coisas que deixa bastante dúvida é em relação as orações subordinadas substantivas. Para ajudar a saber mais sobre o assunto, separamos algumas informações para tentar deixar mais claro os 3 tipos de orações.

publicidade:

Orações subordinadas

As orações subordinadas substantivas são assuntos que estão dentro do contexto dos estudos realmente, ou melhor, algo composto por coordenação, onde as orações por possuem algo composto por algumas subordinações. Existem 3 modelos de orações subordinadas: são três classificações, são elas:

  1. Substantivas
  2. Adjetivas
  3. Adverbiais

Exercícios

  1. As três classificações podem funcionar da seguinte maneira, no caso da substantiva, esta é feita de forma em que o sujeito do verbo da oração principal apareça na terceira pessoa do singular, neste caso, ela não tem o sujeito, pois ele é da oração subordinada, um exemplo disso: –É necessário que sejam tomadas algumas precauções nesta loja.
  2. No caso da objetiva direta, este é um exercício diferenciado onde se deva exercer a função de objeto direto do verbo da oração principal, ou melhor, algo que esteja diretamente ligado ao verbo principal e sem o auxílio de preposição no qual acaba indicando o alvo sobre o qual recai a ação desse verbo, um exemplo disso: – Quero ver quem é que vai vir pra cá.
  3. Em relação ao terceiro exemplo, no caso da objetiva indireta, esta funciona de maneira em que o objeto indireto esteja na oração principal, algo que está sempre ligada a um verbo da oração principal e tem com auxílio de preposição, onde é indicado pelo seu alvo do processo verbal, segue o exemplo: Raquel sem dúvidas, se lembrou de que a Flávia iria chegar mais tarde.

De acordo com as informações, existem as orações subordinadas substantivas reduzidas que é quando as mesmas podem ser reduzidas de infinitivo, de gerúndio e de particípio, ou seja, algo no qual as subordinadas substantivas só podem ser reduzidas de infinitivo.

Pra finalizar, é mais do que indicado que todos saibam realmente como devem ser feitas as orações. O melhor e que antes de tudo, você tente resolver qualquer que seja o exercício buscando referências acadêmicas, ou até mesmo conversar com algum professor para que ele possa lhe incentivar ao ensino sobre as orações subordinadas substantivas de maneira correta.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook