Atualizado em: 4 julho 2011

Resumo da Escrava Isaura (livro)

Conheça a história da Escrava Isaura, uma obra de Bernando Guimarães

Personalidades e personagens ilustres é o que não faltam na cultura brasileira, e a Escrava Isaura faz parte disso, tanto que de personagem de um livro e representada em novelas, ela passa a ser real, até porque para muitos a história trata-se de uma veridissidade.

O livro “A Escrava Isaura” é um romance de de Bernardo Guimarães, que conseguiu destaque na época devido a obra. Ele ficou conhecido, nada mais, nada menos, até pelo imperador na época: Dom Pedro II.

publicidade:

A obra teve um objetivo de mostrar uma ideia anti-escravagista e libertário e, talvez, por isso, o romance exceda em idealização romântica, a fim de conquistar a imaginação popular perante as situações intoleráveis do cativeiro.

Resumo:

Isaura vive como uma escrava na Fazenda em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro. Ela era mestiça e bem comportada, mucama da noiva do filho de seus donos. Assim como acontecia como muitas escravas na época, o sinhô sempre cortejava suas escravas, e com Isaura não era diferente, era até mais assediada.

Leôncio, seu dono, não apenas cortejava, mas também era apaixonado pela escrava branca e por isso, não a libertava. O pai de Isaura, Miguel, queria ver sua filha livre, e então numa conversa, fez um trato com o pai de Leôncio, no qual, daria 10 contos de réis pela liberdade de sua filha. Ao chegar com a quantia na casa onde Isaura é escrava, eis que chega uma carta dizendo que o pai de Leôncio morreu, dando uma desculpa para Leôncio não libertar sua escrava.

Isaura por não ceder aos apelos de Leôncio, já casado com Malvida, é levada para senzala e submetida a um tratamento igual as outras escravas. Seu pai consegue tirá-la de lá e ambos fogem para Recife. Vive então, tranquilamente numa pequena casa com seu pai, com o nome de Euvira. Lá conhece Álvaro, por quem se apaixona e é correspondida.

Devido a ida a um baile, Isaura é reconhecida e descoberta, é levada de volta para fazenda de Leôncio. Álvaro depois descobre que o sinhô de sua amada está falido, resolve, então, comprar todos os bens dele. Enquanto isso, Isaura estava sendo obrigada a casar com o jardineiro da fazenda, mas Álvaro acaba impedindo já que torna-se seu dono.

Leôncio acaba de suicidando devido ao fracasso e Isaura e Álvaro ficam juntos.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook