Desigualdade social

Desigualdade Social

Desigualdade social: o Brasil dividido em dois. (Foto: Divulgação)

Os números nunca mentiram. Vivemos em uma sociedade potencialmente desigual, onde a distribuição de renda é feita de maneira errada. Os ricos são imensamente ricos e os pobres são grandiosamente pobres. Sobre essa questão damos o nome de desigualdade social.

No Brasil, presenciamos um sistema capitalista que não oferece condições iguais para que todos possam desfrutar das mesmas oportunidades. Tendo isso em vista, podemos afirmar que existem duas nações dentro do Brasil: o dos menos favorecidos economicamente e o dos mais ricos.

Assim como o poder, o dinheiro fica concentrado nas mãos da minoria e quem perde é o grupo que concentra maior número de pessoas, que não têm suas necessidades básicas atendidas, uma educação básica descente e uma alimentação saudável.

Causas

São inúmeras as causas que causam a desigualdade social. Entre elas, estão:

  • Exclusão social
  • Má distribuição de renda
  • Falta de escolarização
  • Escassez de oportunidade, tanto de trabalho quanto de conhecimento

Soluções

  • Cortar gastos públicos desnecessários (passagens de avião, direito a moradia, entre outros)
  • Melhorar a educação de base
  • Dar continuidade aos programas imediatistas para que funcionem efetivamente (bolsa família, por exemplo)

Conclusão

Enfim, utilizar o dinheiro do povo que paga seus impostos para oferecer saúde, segurança e escolas descentes. A desigualdade social no Brasil tem longa data e sua história está grafada desde os tempos de colônia, quando os portugueses já exploravam seus escravos, que ficavam em posição inferior.