Modificado em: 27 maio 2011

Sebastião Salgado: Biografia e Obras

Tudo sobre o fenômeno da fotografia, Sebastião Salgado. Informações sobre a sua vida e trajetória, além de suas diversas obras com fotos espetaculares pelo mundo.

Cada pessoa possui paixões individuais que vão aflorando com o tempo. Muitos vão descobrindo sem querer que possuem talentos para certas coisas, como pintura, desenhos, fotografia, entre outras coisas. Muitos acabam correndo atrás para trabalhar e lapidar esse talento, esse dom, outros acabam não se interessando e não levando a diante. Ultimamente, muitas pessoas estão procurando cursos e andam se especializando em fotografia. Mesmo com muitos artistas da fotografia já existentes no país, a cada ano surgem mais artistas talentosos. Muitos são influenciados em fotógrafos de extremo talento como Sebastião Salgado, que é um fotógrafo que possui lindas obras e que você poderá conferir toda sua biografia aqui no Sempre Tops.

O fotógrafo

Sebastião Ribeiro Salgado nasceu em Aimorés, no dia 8 de fevereiro no ano de 1944. Se tornou um fotógrafo brasileiro muito conhecido por possuir um estilo único. Um legítimo mineiro, Sebastião é um dos fotojornalistas mais respeitados da atualidade, chegando a ser nomeado como representante da UNICEF, no ano de 2001. Já ganhou diversos prêmios e um deles pelas crônicas sobre a vida das pessoas excluídas, resultando na publicação de dez livros com fotos espetaculares.

Quando questionado sobre suas exposições, Sebastião diz: “Espero que a pessoa que entre nas minhas exposições não seja a mesma ao sair”. “Acredito que uma pessoa comum pode ajudar muito, não apenas doando bens materiais, mas participando, sendo parte das trocas de ideias, estando realmente preocupada sobre o que está acontecendo no mundo”.

Biografia e Obras

Sebastião formou-se no curso de Economia pela USP (Universidade de São Paulo) e no ano de 1973, quando trabalhava para a Organização Internacional do Café, acabou trocando a economia pela fotografia. Isso aconteceu após viajar para a África, aonde levou a máquina fotográfica de sua mulher, aonde aconteceu a sua paixão pela fotografia. Publicou um livro sobre os pobres que residem na América Latina, livro intitulado Outras Américas. Após esse, Sebastião publicou Sahel: O Homem em Pânico, que relatava seus meses como colaborador na ONG Médicos sem Fronteiras, na África. A partir daí, Sebastião iniciou sua carreira como fotodocumentarista.

Durante 6 anos, Salgado voltou-se para o fenômeno global de desalojamento em massa, resultando nas obras Êxodos e Retratos de Crianças do Êxodo, que foram publicados no ano 2000 e foram aclamados internacionalmente. Sebastião Salgado montou uma exposição no Escritório das Nações Unidas em Nova Iorque, com 90 retratos de crianças desalojadas que fazem parte da sua obra Retratos de Crianças do Êxodo. Fundou em 1994 a sua própria agência de notícias, “As Imagens da Amazônia”, que representa o fotógrafo e seu trabalho.

Sebastião Salgado é casado com Lélia Wanick Salgado e vivem atualmente em Paris. O casal tem dois filhos.

Fotos


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook