Modificado em: 4 novembro 2010

Antítese Exemplos

Antítese é uma figura de linguagem que explora a idéia de dois extremos, ou melhor, de idéias opostas. Foi utilizado especificamente pelos autores do período Barroco. É fácil identificar uma obra desse período, basta prestar atenção se na mesma imagem ou no mesmo texto mostra dois lados opostos, como Amor e Ódio, Paraíso e Inferno, Dia e Noite, Deus e Diabo, entre outros.

Para você poder entender melhor, veja os exemplos abaixo:

Na canção “Certas Coisas” de Lulu Santos e Nelson Motta há a presença clara de antítese:

Não existiria som se não
Houvesse o silêncio
Não haveria luz se não
Fosse a escuridão
A vida é mesmo assim
Dianoitenãosim

Frases com antítese:

“Residem juntamente no teu peito/um demônio que ruge e um deus que chora” (Olavo Bilac)

Meus olhos andam cegos de te ver (Florbela Espanca)

“Já estou cheio de me sentir vazio, meu corpo é quente e estou sentindo frio.” (Renato Russo)

“Eu vi a cara da morte, e ela estava viva”. (Cazuza)

“Eu presto atenção no que eles dizem, mas eles não dizem nada” (Humberto Gessinger)

“Mas que seja infinito enquanto dure (Vinicius de Moraes)

“Uma menina me ensinou, quase tudo que eu sei, era quase escravidão, mas ela me tratava como um rei” (Renato Russo)


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook