Atualizado em: 7 junho 2013

A Teoria da Escola Dualista

Escola dualista representa substantivas explicações para o incessante declínio da escola pública brasileira nos últimos trinta anos
Você Sabia?
Que a Gestalt ou psicologia da forma, surgiu no início do século XX diferente da Escola "dualista de Graz.
82557

Como principais obras da escola dualista, temos L´ÉcoleCapitaliste (1971). C. Baudelot e R. Establet.

A tese nada mais cita que a escola está dividida em duas grandes redes, estas que correspondem a sociedades capitalistas divididas em duas classes consideradas fundamentais, o que é a burguesia e o proletariado.Levando em conta que o proletariado conta com uma força considerada autônoma, e atua na luta de classes das próprias organizações.

Por este motivo ela é organizada pela burguesia como um trabalho que é separado da produção, qualificando os trabalhos considerados intelectuais e desqualificando o que é trabalhos manuais, a  escola fica longe de ser considerada como um instrumento de equalização social, sendo assim é considerada duplamente um fator de marginalização.

publicidade:

Divisões da Escola Dualista

Primária profissional – (PP)

Esta era voltada para os que costumam constituir as classes dominadas, como conteúdos temos a dominação de noções consideradas adquiridas através do ensino primário, além de revistas e repetidas sempre ligadas ao que é concreto.

Como conteúdos culturais, temos o recebimento da mesma cultura, de forma porém degradada, vulgarizada e empobrecida, o que poderá dar a ideologia de SS, o caráter dominante, fazendo assim com que as pessoas se submetessem a uma ideologia considerada dominante.

Secundária Superior (SS)

Esta era reservada para os filhos da classe dominante, sendo assim uma preparação voltada para o ensino superior o que preservaria a abstração.
Como conteúdos culturais temos o consumo da cultura da própria classe dominante, preparando assim futuros agentes e intérpretes destas ideologias.

Vídeo sobre a Escola Dualista

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook