Atualizado em: 17 fevereiro 2012

Marcos, o Santo do Palmeiras

Confira a trajetória e as fotos de um dos maiores goleiros da história do Palmeiras.
Você Sabia?
Foi o goleiro titular da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2002, quando a equipe conquistou seu quinto título mundial. Também com a camisa da agremiação nacional conquistou a Copa América de 1999 e a Copa das Confederações de 2005.

São Marcos vestiu a camisa do Verdão 530 vezes.

O dia 4 de janeiro de 2012 ficará marcado para sempre na cabeça e no coração de muitos amantes do futebol brasileiro, principalmente da torcida dos Palmeiras. Durante a reapresentação do elenco do Verdão, Cesár Sampaio, que já foi jogador e atualmente está trabalhando no clube como gerente de futebol, anunciou a aposentadoria do goleiro Marcos, que estava no time desde 1992.

Segundo as informações divulgadas na coletiva de imprensa, a decisão do ídolo palmeirense de parar veio após uma longa reflexão feita durante o mês de dezembro. Apelido de “São Marcos”, o goleiro, de 38 anos, deve ganhar um cargo administrativo no clube.

publicidade:

Confira a trajetória do São Marcos

Durante os 19 anos como jogador do Palmeiras, Marcos Roberto Silveira Reis proporcionou muitos momentos de alegria e euforia para a torcida do Verdão. Quando saiu das categorias de base do Lençoense e chegou ao clube paulista em 1992, Marcos se tornou atleta profissional e ficou na reserva do goleiro Velloso.

Os principais milagres

Depois de sete anos, Marcos saiu da reserva para assumir o posto de um dos maiores ídolos da história do Palmeiras. Por conta de uma lesão do Velloso em 1999, o goleiro Marcos ocupou o lugar de titular e começou a escrever o seu nome na história do Verdão.
Na Copa Libertadores da América de 1999, Marcos conquistou de vez a torcida durante a partida contra o Corinthians nas quartas de final da competição.  Além de fazer defesas importantes durante toda a partida, o goleiro pegou o pênalti do volante Vampeta e eliminou o principal rival do Palmeiras. Depois dessa partida, o time comandado pelo Felipão embalou de vez e acabou conquistando o título da Libertadores daquele ano.

Em 2000, Palmeiras e Corinthians se encontraram novamente na fase playoff da Taça Libertadores. Na semifinal, os dois clubes paulistas fizeram uma partida emocionante que mais uma vez foi decidida nos pênaltis. Dessa vez, Marcos, que ganhou o apelido de Santo, defendeu a cobrança do ídolo do Corinthians, Marcelinho Carioca, e levou a equipe para a final da competição.

Outro grande momento da carreira do ex-atleta que deve ser destacada é durante a sua atuação da Copa do Mundo de 2002, quando o São Marcos fez mais defesas importantes e ajudou o Brasil a conquistar o pentacampeonato.

Veja os títulos conquistados

  • Campeonato Paulista: 1994, 1996 e 2008
  • Torneio Rio-SP: 2000
  • Copa do Brasil: 1998
  • Campeonato Brasileiro: 1993 e 1994
  • Copa dos Campeões: 2000
  • Copa Libertadores: 1999
  • Mercosul: 1998
  • Copa América: 1999
  • Copa do Mundo: 2002
  • Brasileiro Série B: 2003
  • Copa da Confederações: 2005

Confira as fotos do São Marcos

Ainda com cabelos, Marcos começou cedo a treinar no Palmeiras. (foto: Gazeta Press)

Em 1999, São Marcos comemora muito após a conquista do título da Libertadores. (foto: Gazeta Press)

Na Libertadores de 2000, São Marcos pegou o pênalti batido por Marcelinho Carioca e levou mais uma vez o Palmeiras para a final da competição.

Na seleção brasileira, Marcos também brilhou e ganhou a Copa do Mundo em 2002. (foto: Gazeta Press)

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook