Atualizado em: 15 fevereiro 2012

Ex-jogador do Palmeiras anuncia fim da carreira

Sempre envolvido em polêmicas, o meia Lopes, que se destacou com a camisa do Verdão em 2001, decidiu parar de jogar bola nesse ano.
Você Sabia?
O meia Lopes, quando vestia a camisa do Palmeiras, foi o artilheiro da Copa Libertadores da América de 2001 com 9 gols marcados. Na competição daquele ano, o Verdão acabou sendo derrotado nos pênaltis pelo Boca Juniors na semifinal.
Meia Lopes no Metropolitano

De acordo com o ex-jogador do Palmeiras, ele não sabia o que o Metropolitano tinha rescindido o seu contrato.

No começo deste ano, o meia Lopes, que passou por grandes clubes brasileiros, como o Palmeiras, foi contratado pelo Metropolitano, de Santa Catarina, para jogar o Estadual. Depois de 40 dias de trabalho, o jogador de 31 anos, que sempre teve o seu nome vinculado a alguma polêmica, não se apresentou para jogar uma partida da competição, teve o seu contrato rescindido e decidiu anunciar o fim da carreira.

Além do Palmeiras, Lopes, que foi pego no doping por uso de cocaína quando jogava com a camisa do Verdão, passou por mais cinco grandes clubes do futebol brasileiro: Atlético-MG, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense e Santos.

publicidade:

Entenda o caso

A decisão da diretoria do clube em rescindir o contrato com o jogador veio após saber que o Lopes não se apresentou no horário e local combinado. No dia, a equipe foi viajar para enfrentar o Chapecoense no Estadual. “Consideramos uma falta muito grave não comparecer a uma viagem e achamos que a saída era a rescisão. Para mim ele falou que ia abandonar a carreira, que nem precisava rescindir o contrato”, disse o diretor de futebol, Everton Gomes.

Questionado sobre a sua situação no clube pelo site UOL, o meia Lopes revelou que ainda não foi informado sobre a rescisão do contrato e afirmou que vai pendurar as chuteiras neste ano. “Ninguém me falou nada de ter sido dispensado, eu que quero ir embora porque estou com alguns problemas com a minha filha no Rio de Janeiro. Mas é certo que vou parar. Já tinha pensado em vir para o Metropolitano, fazer um grande campeonato e encerrar a carreira”, contou Lopes.

De acordo com a entrevista, o atleta disse que não compareceu na hora combinada por causa do celular que estava sem bateria e por isso acabou acordando atrasado. Lopes também contou que tentou avisar alguém da comissão técnica ou algum dos seus colegas de clube, mas não tinha o telefone de ninguém.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook