Atualizado em: 13 junho 2011

Steve Jobs – Um grande intimidador do mundo empresarial

Ele grita, tem acessos de raiva, é exigente, perfeccionista, controlador e elitista, mas é capaz de incentivar suas equipes como nenhum outro CEO da Apple jamais conseguiu.

Steve Jobs

Steve Jobs é famoso pelo seu talento e temperamento. Alguns afirmam que os anos arrefeceram seus ímpetos mais ferozes, mas ainda há relatos de funcionários que assumem evitar passar em frente a sua porta. Alguns se sentem amedrontados e intimidados, mas assumem se sentirem completamente comprometidos com os projetos da empresa devido à administração de Jobs.

publicidade:

Para o psicólogo social Roderick Kramer, Jobs é um dos grandes intimidadores, uma categoria de temíveis chefes de empresa que inspiram as pessoas através do medo e da intimidação, mas não são meros tiranos, são mais como duras figuras paternas que também inspiram pelo desejo de agradar.

Jobs é um galanteador, sabe elogiar quando necessário e cortejar quando preciso.

Ele é um dos mais talentosos e eficazes CEOs do mundo e está sempre em busca da mais alta qualidade, é obcecado por detalhes e gosta de controlar toda a experiência do cliente com o produto – desde a forma como eles serão embalados aos detalhes do design. Por isso ele é exigente e conduz as discussões e os debates de forma extenuante e feroz. Para ele, o debate promove o pensamento criativo e parceiros e funcionários que desafiam suas idéias e travam combates intelectuais tomam decisões mais acertadas.

Jobs não é um chefe fácil em muitos aspectos, mas ele é capaz de fazer com que seus funcionários realizem coisas que nem sabiam ser capazes de fazer. Ele consegue manter uma equipe motivada por meses, trabalhando vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana. Ele incute em seus funcionários e clientes fidelidade à marca.

Jobs é um grande líder, que apesar do lado tirano, sabe explorar com maestria o potencial de uma equipe e de uma nova tecnologia.

Por Glaucia Alves

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook