Atualizado em: 13 julho 2011

Novo Acordo Ortográfico Regras ratificadas em relação ao hífen – Parte II

Confira o último artigo referente ao Novo Acordo Ortográfico. Nessa série falamos sobre as principais mudanças e alterações realizadas em nossa Língua Portuguesa.

Esse é o último artigo da série “Novo Acordo Ortográfico”. Espero que a série tenha sido de grande utilidade e que muitas dúvidas tenham sido esclarecidas nesses 11 artigos. Quanto à reforma, espero que ela cumpra o objetivo de aproximar ainda mais os países lusófonos.

Continuemos então com os casos em que o hífen continuará sendo usado.

publicidade:

O hífen continua sendo usado:

a)    Nos prefixos além, aquém, ex, grã, grão, recém, sem, vice, sota, soto, vizo + qualquer outro elemento.

Ex.: além-mar, aquém-mar, ex-aluno, grã-fina, grão-duque, recém-nascido, sem-cerimônia, vice-presidente, sota-piloto (substituto do piloto), soto-capitão (substituto do capitão), vizo-rei (“vice” em português antigo)

 

b)    Nos prefixos pós, pré e pró, quando tônicos, + palavra de tonicidade própria

Ex. pós-graduação, pré-escolar, pró-socialismo

Obs.: Quando o prefixo for átono, ele se aglutina ao 2º elemento (prever, pospor, prefixo)

Atenção: A 5ª edição do VOLP publicou as duas formas como corretas: proativo e pró-ativo

 

c)    Mal (como advérbio) + elemento iniciado por vogal, h ou l.

Ex.: mal-educado, mal-habituado, mal-limpo

Obs.: Antigamente não se usava hífen no caso de 2º elemento iniciado por l, isso ocorreu com o Novo Acordo.

Mal (como doença) + qualquer outro elemento.

Ex.: mal-canadense (sífilis)

d) Bem + elemento iniciado por vogal ou h.

Ex.: bem-aventurado, bem-humorado

Obs.: Quando o segundo elemento inicia por outra consoante, pode-se aglutinar ou não (bem-criado, benfeitor)

 

e)    Quando o 2º elemento for -açu, -guaçu ou -mirim e o 1º elemento terminar em vogal acentuada graficamente ou em tônica nasal.

Ex.: capim-açu, amoré-guacu, Ceará-Mirim

 

f)     As locuções foram consagradas pelo uso

Ex.: água-de-colônia, cor-de-rosa, arco-da-velha, pé-de-meia, ao-deus-dará, mais-que-perfeito

 

Lembre-se

Quando o segundo elemento iniciar por h o hífen deverá ser mantido, exceto quando o 1º elemento for des ou in, pois nesses casos, além de não se usar o hífen, elimina-se o h.

Ex.: extra-humano, proto-história, ultra-humano, semi-hospitalar

Exceção: desumano, inumano, inábil.

 

Esse foi o nosso último artigo, espero que vocês tenham gostado. Não se esqueçam a partir de 31 de dezembro de 2012 o uso das novas regras será obrigatório!

 

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook