Atualizado em: 18 maio 2010

Preços de passagens aéreas

Há pouco tempo, viajar de avião era um indício de grande poder econômico. Somente as classes sociais abastadas tinham condições de entrar num avião e experimentar a comodidade e segurança de voar.

publicidade:

Mas, as coisas mudaram!

Como forma de popularizar os vôos e com isso, trazer mais lucratividade para as companhias aéreas brasileiras, os preços das passagens aéreas se tornaram bem mais acessíveis.

Muitas vezes, com valores que chegam a ser ridículos de tão baixos que são.

Quem viaja muito de avião e anda ligado nas promoções relâmpago que as companhias fazem, já devem ter pagado até R$ 100,00 em passagens de ida e volta para o Rio de Janeiro e muitos outros estados brasileiros.

Quem imaginaria pagar tão pouco para voar? E ainda, esse mesmo valor pode ser pago em cartão de crédito.

Uma empresa jovem e que já lidera as grandes promoções é a companhia aérea Azul. Agora em abril, a companhia lançou uma promoção que foi um grande sucesso.

Era o seguinte: quem comprasse bilhetes Azul para qualquer destino operado pela companhia pode levar um acompanhante de graça. E no caso de grupos de três ou mais pessoas, o desconto é de 50% para todos os integrantes do grupo, desde que viajem juntos.

Nesta política do barato para atrair clientes, a GOL, a Tam e tanas outras companhias também têm se filiado.

Fora as promoções, que como o nome já diz, são por tempo determinado, os preços das passagens aéreas ficaram muito baixos. Olha só alguns trechos como estão com valores imperdíveis:

São Paulo – Curitiba a partir de R$69
São Paulo – Rio de Janeiro a partir de R$69
São Paulo – Maringá a partir de R$79
Salvador – Vitória a partir de R$109
Salvador – Rio de Janeiro a partir de R$119
Porto Alegre – Navegantes a partir de R$59
Porto Alegre – Rio de Janeiro a partir de R$99

Está mais fácil voar e chegar de modo mais confortável em seu destino. Se for uma questão de preço, fazer uma viagem de avião nunca foi tão barato! Melhor para o consumidor.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook