Atualizado em: 7 janeiro 2014

Novos Valores do Imposto de Renda 2014: Alíquotas e Cálculos

Saiba que a partir de janeiro de 2014 vigoram novos valores do Imposto de Renda, portanto fique atento as informações abaixo.
Você Sabia?
Que o imposto de renda foi instituído no Brasil ex vi do artigo 31 da Lei nº 4.625 de 31 de dezembro de 1922.
download (2)

Quanto maior o salário da pessoa, maior a diferença em valor nominal

No primeiro dia do mês de janeiro em todo o território nacional, a tabela de Imposto de Renda da Pessoa Física foi corrigida em 4,5%.No entanto, a declaração do Imposto de Renda deste ano terá a tabela de 2013 utilizada como base.

Além disso, os valores da inflação não ficam estáveis, sofrendo a alteração de 5,72%, segundo pesquisas do Banco Central, feita pelas medidas contidas no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. Segundo estimativas, o ano deverá ser terminado com defasagem em 60%. Confira a seguir como se darão as alíquotas e cálculos dos novos valores do IR.

publicidade:

Alíquotas e Cálculos

O valor da alíquota mensal foi definida como 7,5% para os trabalhadores que ganham entre 1.787,78 e 2.679,29 reais ao mês, de 15% entre os valores R$ 2.679,30 a R$ 3.572,43 e de 22,5% para os salários entre R$ 3.572,44 e R$ 4.463,81. Já para aqueles que recebem m valor acima de R$ 4.463,81 ao mês, terão a alíquota definida em 27,5%.

Os cálculos serão feitos com base nos salários pagos no ano de 2014 para a declaração do IR no ano de 2015, incluindo-se as deduções para os mesmos valores. Para este ano, os cálculos devem ser feitos através da tabela progressiva com base em 2013, para que os valores mensais possam ser verificados.

Informações importantes

Segundo estes novos valores, pessoas com salário mensal de até R$ 1.787,77 estarão isentas do Imposto de Renda, de acordo com a Receita Federal. Com o aumento salarial bruto, trabalhadores que anteriormente estavam isentos da mesma taxa, passarão a pagar valores maiores de impostos. Deste modo, a renda líquida sofrerá um declínio considerável, conforme afirma o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal.

É importante que todo cidadão tenha ciência do quanto de IR que está pagando, bem como o total controle dos pagamentos de impostos e demais descontos mensais, para que nenhum valor seja desperdiçado ou não compreendido para qual fim está sendo destinado. Para maiores informações ou mesmo para fazer o cálculo do valor de seu Imposto de Renda, consulte um posto especializado.

Vídeo sobre o Imposto de Renda

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook