Atualizado em: 17 abril 2015

Novo Salário Mínimo para 2015: R$ 788

O Ministério do Planejamento fixou em R$ 670,95 o valor do salário mínimo, onde todos Brasileiros começam a receber a partir de janeiro de 2013.
Você Sabia?
O salário mínimo é o mais baixo valor de salário que os empregadores podem legalmente pagar aos seus funcionários pelo tempo e esforço gastos na produção de bens e serviços, existi praticamente todos os países do mundo.

Salário mínimo terá reajuste de 7,9% em 2013

A nova emenda para a o reajuste do salário mínimo em 2015, que está inclusa no Projeto de Lei Orçamentaria Anual, está em processos finais de aprovação, e o acerto fica em  passando dos atuais R$ 724, e chegará em 788.

Com o novo reajuste, o impacto previsto nos cofres do país, será de aproximados R$ 15,1 bilhões; que tem como referência básica, na estimativa que cada R$ 1, representa um impacto de R$ 308 milhões.

publicidade:

Novo Salário Mínimo

Com o novo salário mínimo, algumas instituições começam a analisar o mercado de compras de bens para o ano de 2015; além de outros fatores, como o superávit, que já tem metas traçadas para o primeiro semestre do ano. O objetivo do governo é manter o superávit nos do PIB, alcançados no primeiro semestre  pois pode sofrer abatimentos dos investimentos realizados no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), que tem percentual de 0,5% do PIB.

Com os números apresentados, somando-se o que vai sair dos cofres públicos, com o que vai ser auferido; a receita primária de 2014 prevê aumento de 12% em relação ao previsto em com o total de R$ 1,229 trilhão, menos as despesas orçadas em mais ou menos R$ 943 bilhões.

Aumento dos Aposentados

Para os aposentados, que recebem valor maior que os apresentados para o salário mínimo, manterá o INPC de 2014, ficando em 5%. Número que manterá também, a reclamação da categoria, que se diz defasada há muito tempo. O déficit previdenciário continuará em nível elevado, e as estimativas estão em altos R$ 34,2 bilhões.

Meta de Crescimento

A meta de crescimento apresentadas pelo Ministro da  é atingir metas de um bom crescimento para este ano de  2015, ainda não atingiu bons números para os próximos mesmo com incentivos fiscais, e abertura de mercado para as compras, e bons investimentos futuro em nosso país, e para que tudo isso possa acontecer não depende só do governo, mas também de todos os brasileiros, em especial os empresários de todos os seguimentos com visão e projetos de um crescimento sólido de verdade, temos sim que acreditar em nosso país independente de qualquer coisa, afinal somos brasileiros e não desistimos nunca

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook