Atualizado em: 30 dezembro 2010

Economia da Argentina

A Argentina tem a segunda maior economia da América do Sul e é um dos países membros da Mercosul. Sua economia começou a se expandir a partir dos anos 90, e é baseada principalmente na pecuária e na agricultura por ter um dos solos mais férteis do mundo, tendo uma produtividade mais alta do mundo e sendo responsável por aproximadamente 55% do PIB.

publicidade:

A Argentina possui grande exportação de produtos da pecuária e de cereais, sendo essa a maior influência na economia do país. Além da indústria agropecuária, também tem a alimentícia, têxtil, petroquímica, metalúrgica, química, de veículos e de aço, que também são principais no país.

A indústria da pesca também faz parte do setor econômico da Argentina, destacando-se a exportação de lulas e merluzas.

A inflação da Argentina teve uma queda nos anos 90, após o Plano de Conversibilidade, mantendo os preços controlados. Após isso, em 2002 a inflação se acumulou, chegando a 40%, devido a desvalorização do peso (moeda da Argentina). Em 2006, a inflação registrada foi de 9,8%.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook