Atualizado em: 27 junho 2012

Custo Fixo: Exemplos, Fórmulas e Como Calcular

O Custo Fixo e Variável são dois custos diferentes que influenciam em nosso dia-a-dia, na compra de produtos, seja eles pessoais ou empresariais. Para saber qual o seu gasto, é necessário um cálculo e qual a expectativa futura econômica.
Você Sabia?
Os custos Fixos e Variáveis normalmente são calculados pelo Ponto de Equilíbrio (PE), que calcula o faturamento da empresa dos gastos necessários e não necessários.
Cálculo Custo Fixo

Como é feito o cálculo do Custo Fixo e Variáveis, com a expectativa de melhora econômica.

O custo normalmente se divide em conceitos. Há dois tipos de conceitos quanto ao custo: O Custo Fixo e o Custo Variável. A cada produção, é necessário um custo. Quanto mais uma empresa fabrica, mais ela vende. Os preços, dependendo deles, como por exemplo, produtos de limpeza variam a cada época e são assim chamados Custos Variáveis.

Já os preços e lucro que, independente do que ocorra na economia, como por exemplo, o aluguel. Mas é importante saber, que mesmo que o aluguel, ou alguma empresa em que seus produtos não mudem com frequência, o preço ainda sim são considerados Custo Fixo.

Como Fazer o Cálculo

Para realizar o cálculo, é necessário calcular o Custo Total (que representa a menor despesa total para atingir o nível de produção desejado), o Custo Fixo e o Custo Variável. Por exemplo:

CT= CF+CV

Nota que, o imposto e o valor das vendas, devem também ser calculados.

Vídeo Custo Fixo


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook