Atualizado em: 14 abril 2015

Como calcular - taxa de juros para financiamento

Consumir. Adquirir. Estamos vivendo a Era do Ter. O problema é que quase sempre isso significa, ao menos para as classes médias baixas, se endividar. Principalmente quando se trata de compras a prestação quando os juros vêm para deixar tudo ainda mais caro.

publicidade:

A gente sabe que isso é coisa para economistas, mas é importante sempre s éter uma noção de como calcular os juros de uma compra. No entanto, não é uma missão das mais fáceis. Uma das coisas mais complexas para quem compra, por exemplo, um carro ou um imóvel, é saber como obter a taxa de juros desse financiamento.

Sem essa informação, você pode virar presa fácil de vendedores espertos. Por isso, nada de criar dificuldades, fazer cálculos da taxa de juros não é nenhum bicho de sete cabeças. Basta ter papel e lápis em mão e uma boa calculadora.

A coisa mais corriqueira é propagandas de venda de veículos dizendo: “Taxa de juros de 0.90%“, “Taxa de 0.99%“. Mas, quem pode afirmar se o valor da parcela realmente foi calculado com base nessa taxa.

Não se deixe levar por longas e suaves prestações. Elas geralmente vêm embutidas com altos juros, sendo que o baixo valor da parcela é para quem compensar a grande quantidade de prestações.

Veja como se calcula o valor da taxa de juros.

Se o valor de um produto é de R$ 50 000 e você quer dividir em 10x. Sem juros vai ficar R$ 10 de R$ 5000. Porém, quando as parcelas, por exemplo, forem para R$ 5500, significa que esses R$ 500 a mais são os juros.

O valor total então do produto passa a ser R$ 55000. Esses 5000 a mais, quando aplicados numa simples regrinha de 3 mostram que os juros, para 10 meses, foram no mínimo, exorbitantes.

Sendo que, nesse caso, os juros foram de 10% ao mês. E olha que foram divididas em menos de um ano para pagar. Outro exemplo é para quem vai comprar um produto de R$ 15.000,00 em 24 parcelas iguais de R$ 754,00.

Isso significa que R$ 15.000,00 em 24 parcelas se transformou em R$ 18.096,00. Sem essa informação, qualquer esperto vendedor pode enrolar um simples comprador na hora de consumir.

Para se ver livre cambalachos e mutretas é bom andar sempre com uma calculadora de taxa de juros na bolsa. Com ela, é possível saber a real taxa de juros do financiamento do seu carro, do seu apartamento, da roupa, do sapato, etc…

Caso não disponha de uma calculadora, basta usar a continha básica ensinada acima. Basta saber o valor financiado, o número de parcelas e o valor das parcelas, lápis e palel na mão, cuca fresca, contas e logo saberá a real taxa de juros que você vai pagar.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook