Atualizado em: 14 abril 2015

Comércio da cidade de São Paulo - Contratou mais 2010

Comércio da cidade de São Paulo contratou mais 2010O ano de 2010 foi considerado bom pelos empregados do comércio varejista da região metropolitana de São Paulo. Neste período, o setor criou 64.399 empregos com carteira assinada, número que equivale a um crescimento de 58,64% em comparação com 2009.

Os dados fazem parte da pesquisa de emprego e salário divulgada hoje (1º) pela Fecomercio-SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo). A pesquisa foi embasada na análise do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego.

publicidade:

A Fecomercio-SP crê que o crédito abundante, o aumento salarial e o crescimento na intenção de consumo foram os responsáveis pelo cenário favorável para o comércio paulista, que cresceu para atender a demanda de consumo.

No total, a região metropolitana de São Paulo empregou 938.426 trabalhadores em 2010. O quadro foi favorável para todas as atividades ligadas ao comércio, se compararmos com 2009. Supermercados, vestuário, tecidos, calçados e material de construção foram os setores que mais contrataram em 2010, sendo responsáveis, juntos, por 33 mil postos de trabalho.

O salário médio do comércio varejista em 2010 foi de R$ 1.338, com as lojas de departamentos pagando os maiores salários (R$ 2.234) e o setor de supermercados pagando os menores (R$ 1.1136).

A Fecomercio-SP prevê que as contratações continuem em durante 2011, porém com uma curva ascendente menor devido ao recente aumento dos juros e diminuição do crédito, medida adotada há poucos dias pelo governo visando combater o aumento da inflação.

Via Agência Brasil

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook