Atualizado em: 8 junho 2010

Teresa Fidalgo – Vídeos, Verdades e Mentiras

O mistério

Desde que o mundo é mundo, as lendas e “contos” são contados aos quatro ventos para nos entreter, e em muitos casos, para nos assustar.

publicidade:

Alguns realmente assustam, outros nem tanto. Quem nunca ouviu falar da “loira do banheiro” ou do “homem do saco”?

Pois bem, a nova lenda urbana que está rolando na internet é a suposta história de Teresa Fidalgo, uma jovem bonita, afinal os personagens das lendas são sempre bonitos que teria morrido em um acidente de carro em Portugal em 1983.

Fato é que o vídeo causou uma grande repercussão no You Tube, e já foi traduzido para diversas línguas, e conseguiu angariar alguns adeptos que acreditam veementemente na história.

Surgiram até aquelas insuportáveis correntes nas internet por conta da bela Teresa.

De onde surgiu esta história?

Três jovens amigos, Tânia, Thiago e David andavam com seu carro em uma noite nublada indo em direção a Sintra em Portugal, David acabara de comprar um celular e para testar a câmera começa a filmar a viagem, por volta dos 04h00min da gravação um vulto aparece na estrada.

Ao se aproximarem os amigos percebem que é uma garota que se encontra sozinha no meio da estrada e resolvem dar uma carona, quando a menina fala pode-se perceber que a gravação sofre interferência, após andarem um pouco a moça diz: “Foi ali que eu tive um acidente e morri…”

Após ouvirem isso o carro que Thiago dirigia perde o controle e bate, Tânia e Tiago morreram no local do acidente e David saiu ileso sem saber explicar o que havia ocorrido naquela noite.

Após rodar o mundo e ser assistido por milhões de pessoas o autor do vídeo David Rebordão resolveu aparecer e dizer que era apenas um documentário chamado “A Curva”, mas mesmo assim existem boatos de que uma tal Teresa Fidalgo realmente morreu nessa curva em 1983 e  em 1998 no mesmo local ocorreu um acidente fatal levando a morte 3 jovens.

Evidentemente trata-se de uma ótima brincadeira, ou quem sabe talvez seja verdade, mas porque você não clica aqui, assiste ao vídeo, e tira as suas próprias conclusões?

Vídeo de Tereza Fidalgo

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook