Atualizado em: 4 setembro 2013

Empresas de Cosméticos no Brasil

Hoje em dia o mercado vem sendo disputado por gigantes mundiais,por empresas de produtos de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos
Você Sabia?
Que os cosméticos surgiram no Oriente na. Antiguidade e se espalharam pelo resto do mundo. Usavam-se óleos, essências de rosa e de jasmim e tinturas.
Cosméticos no Brasil 1

As empresas de cosméticos devem seguir o regulamento da Anvisa para o setor

O setor de cosméticos se mantinha estável  até 2009, quando começou a crise mundial, que teve pouco impacto no setor, gerando até uma melhora no andamento da produção, que desde então vem crescendo.

Talvez porque a preocupação com a estética e bem-estar superam as questões de baixa renda e impulsionam as vendas.Assim a indústria cosmética brasileira vem crescendo devido ao aumento da expectativa de vida, da preocupação em evitar os sinais da idade e, principalmente, pelo aumento do poder de compra da classe C no Brasil.

publicidade:

Empresas de Cosméticos no Brasil

Um exemplo de empresa brasileira de cosméticos é a  Dermatus, com fábrica no Rio de janeiro, que foi fundada em 1978, inicialmente especializada na fabricação de fórmulas manipuladas, que nos anos 90 passou a apostar no ramo de cosméticos para pele e cabelos, onde são desenvolvidos e produzidos mais de 150 produtos.

Outra empresa brasileira de cosméticos é o Instituto Beleza Natural, especializado no tratamento de cabelos crespos e ondulados, desenvolvidos através de pesquisas laboratoriais e parcerias com universidades, onde se desenvolve uma linha com 50 produtos.

Já a Aspa Cosméticos que abriu uma fábrica no Rio de Janeiro em 1965, introduzindo novidades da tecnologia cosmética que ainda não existiam no Brasil e que desde então vem crescendo e atendendo um mercado cada vez mais exigente.

A Aspa Cosméticos é uma média empresa, mas já exporta para 10 países.

Também no mercado de cosméticos no Brasil, temos a Dermage, que se especializou em maquiagem e de uma linha para homens, contando hoje com mais de 250 funcionários, 35 lojas e mais de 70 pontos de revenda pelo Brasil.

Já os sócios Marcelo Chrispin e Rodrigo Goecks lançaram a marca Yenzah, em março de 2010. Sendo que a Yenzah é especializada no tratamento de cabelos, com um crescimento de quase 50% por ano.

Claro que o Brasil tem empresas de grande porte atuando no Brasil, na área dos cosméticos, como o Boticário, Jequiti, Natura, Racco, Contém 1g, entre outras. Mas o certo é que o mercado brasileiro de cosméticos vem crescendo devido ao aumento do consumo destes produtos e as perspectivas são de um crescimento continuo, mas com consumidores mais exigentes.

Informação

O setor de cosméticos é composto por 70% de microempresas, 20% de pequenas empresas, 6% de médias empresas e  4% de grandes empresas.  Ela destaca que a elevada carga tributária, no entanto, é o principal entrave para esses produtos, que muitas vezes são taxados como artigos de luxo e não necessidade.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook