Atualizado em: 6 agosto 2010

Embalagens plásticas para alimentos

Hoje em dia as embalagens plásticas são práticas e muito mais baratas na hora de adquiri-las.

publicidade:

Existe uma enormidade de estilos, tamanhos e cores.

Sem falar nas embalagens plásticas descartáveis que além de práticas são ótimas quando recebemos visita, já que não precisamos lavá-las.

Os alimentos necessitam de conservação para não perderem a qualidade, por isso as empresas fabricantes procuram desenvolver embalagens resistentes e seguras que possam impedir qualquer dano a nossa saúde e ao ambiente.

O plástico é um material resistente, capaz de proteger o alimento sem causar muito prejuízo.

Depois do consumo, esse material pode ainda ser reaproveitado de diversas formas.

Infelizmente a reciclagem ainda não é uma consciência de toda a população e sim de uma minoria.

Os plásticos estão sendo largamente empregados para armazenar alimentos e bebidas. Estes usos incluem tanto recipientes descartáveis ou não, filmes plásticos, talheres, garrafas d’água e mamadeiras.

O plástico é prático, leve, inquebrável e relativamente barato.

Entretanto, existem tanto riscos ambientais como de saúde por seu emprego generalizado.

Problemas ambientais:

A maioria dos plásticos é feita de petróleo, um recurso não renovável e, na maioria das vezes, importado. As embalagens plásticas também criam resíduos desnecessários. Embora leve, ele é volumoso exigindo grandes áreas para aterro deste lixo.

Riscos sobre a saúde:

O emprego do plástico para cozinhar e armazenar alimentos pode trazer riscos à saúde, especialmente quando moléculas artificiais que estão nos plásticos e que imitam o comportamento de hormônios, saem da embalagem para os alimentos e bebidas.

Tanto a fabricação como a incineração dos plásticos geram poluição atmosférica e das águas, expondo os trabalhadores aos químicos tóxicos.

Por isso o uso de plásticos para armazenarmos alimentos tem que ser por um prazo bem pequeno para que não haja contaminação.

Práticos mas perigosos quando expostos a altas temperaturas.

Portanto atenção!

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook