Atualizado em: 8 julho 2010

Benefícios Sociais nas Empresas


Benefícios Sociais. Todo cidadão tem direito!

São eles que fazem vale a política pública de um país voltado para dias melhores para os cidadãos.

E muitas empresas procuram integrar estes benefícios entre seus funcionários.

NA VISÃO EMPRESARIAL

Na política dos recursos humanos, muitas empresas garantem aos seus colaboradores um conjunto de benefícios que, para além de formarem um conjunto de benefícios que vão além da remuneração, visa possibilitar serviços de caráter social que servem como extensão dos serviços sociais assegurados pelo Estado.

OS BENEFÍCIOS

Os benefícios são: plano de saúde, odontológico, assistência social, auxílio-alimentação, dentre outros.

OUTROS BENEFÍCIOS

Além das pensões e da assistência médica por via do plano de saúde, há outros benefícios como a possibilidade de usufruírem de almoços gratuitos nos refeitórios da empresa, sala de convívio na sede da empresa, que é importante para manter viva a ligação com os colaboradores e funcionários.

Faz parte destes benefícios também o seguro de acidentes pessoais, um subsídio de estudo a colaboradores e descendentes, bem como o fornecimento de energia a preços reduzidos, para consumo doméstico.

BEM-ESTAR SOCIAL

A política dos Benefícios Sociais advém da busca do Bem-Estar social ou ainda da política do Estado-providência, uma política e econômica que coloca o Estado como agente da promoção do bem-estar social.

Com isso, o Estado é o agente regulamentador de toda vida e saúde social, política e econômica do país em parceria com sindicatos e empresas privadas, em níveis diferentes, de acordo com a nação em questão.

Se é algo promovido pelo Estado se entende que todos os cidadãos, de qualquer parte do país, tem direito a ter fácil acesso a estes benefícios sociais.

Tudo com a máxima eficiência e respeito ao cidadão que recorre a este direito de viver dignamente.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook