Atualizado em: 9 março 2011

Facebook é fonte de prova em processos de divórcio

facebook-divorcioUm estudo da Academia Americana de Advogados Matrimoniais (AAML) revelou que quatro de cinco advogados dizem que, nos últimos cinco anos aumentou o número de divórcios causados por elementos de prova recolhidos no Facebook.

Isto significa que, entre os advogados especializados em divórcio, é usual exigir que casais de mostrem seus perfis do Facebook antes de iniciar qualquer processo.

publicidade:

“Um dos cônjuges está ligado a alguém que eu conhecia na época da escola. A pessoa está emocionalmente disponível e começa a se comunicar através do Facebook. Logo, a troca de mensagens dá lugar a um profundo sentimento de intimidade, que por sua vez pode levar ao contato físico”, disse Steven Kimmons, um psicólogo e terapeuta conjugal na Loyola University de Chicago.

Segundo o jornal The Guardian, outra situação onde o Facebook se torna útil, é no processo de custódia dos filhos. Houve casos em que o pai negou ter usado drogas perante o juiz, enquanto se gabava de ter fumado maconha em sua página do Facebook.

Este cenário faz com que as fotos postadas em redes sociais sejam uma excelente ferramenta para os advogados que se dedicam a estas questões, já que imagens se tornam evidências que podem ser analisadas por um juiz.

Estatísticas da Nielsen coletadas com dados de janeiro, dão conta que 135 milhões de americanos entram no Facebook a cada mês, ou seja, 70% dos usuários da Internet norte-americana.

O fato de que os advogados utilizam o Facebook como prova em processo de divórcio, não significa que eles aumentaram, de fato, os dados de 2009 mostram que a taxa de divórcios caiu nos EUA.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook