Atualizado em: 21 julho 2010

Tipos de Investimentos Financeiros

Infelizmente se ganha mais com investimentos quem tem mais dinheiro.

publicidade:

Mas se você não começar, nunca irá ter muito, não é?

Por isso existe a necessidade de pouparmos pelo menos um pouquinho a cada mês.

Investimentos em renda fixa pagam juros sobre o capital aplicado.

São eles:

Caderneta de poupança, CDB, títulos do tesouro e os fundos de renda fixa, compostos por esses títulos.

Os investimentos em renda fixa estão rendendo cada vez menos.

Isso porque a queda do juro impacta diretamente na rentabilidade dessas aplicações.

Como exemplo, em junho deste ano, a variação do DI (deposito interbancário), que é a referência de renda fixa, foi de 0,90%.

Na média, os fundos de renda fixa renderam 0,72%, o que depois de descontado o imposto de renda vai ficar abaixo dos 0,67% do rendimento da caderneta de poupança. É isso mesmo: fundo rendendo menos do que a caderneta de poupança!

Daqui para frente, um “bom fundo” vai ter que pagar pelos menos 95% do DI para se igualar à rentabilidade da caderneta de poupança.

Para superar, vai ser preciso chegar muito próximo a 100%, o que significa uma taxa de administração muito, mas muito pequena, que em geral, só está disponível para os clientes com aplicações acima de 100 mil reais.

Então, para um valor de 2 mil reais, a melhor alternativa de renda fixa é a caderneta de poupança.

Mas não podemos ver isso como um retrocesso.

É apenas o mercado se adaptando à condição de país de juro baixo.

Mas, se você é jovem e tem certo apetite para risco, pode colocar parte desse dinheiro em fundo de ações.

Talvez 100 reais por mês, por 10 meses.

É verdade que quem tem mais dinheiro, tem acesso a produtos mais rentáveis.

Mas é aí que está o segredo dos investidores de sucesso: se você não começar pequeno, nunca vai se tornar um grande investidor.

Então, começar pela caderneta de poupança, não é tão ruim assim.

De qualquer maneira, pesquise no banco onde você tem conta, qual o valor mínimo da aplicação inicial e o valor mínimo das aplicações subseqüentes nos CDBS´s e fundos de renda fixa, porque esses valores variam de banco para banco.

Mas cuidado, às vezes eles até aceitam o valor que você tem, mas as taxas são tão ruins que vale mais a pena mesmo deixar na caderneta.

É possível também aplicar em títulos do governo através do Tesouro Direto, mas nesse caso vai precisar abrir uma conta numa corretora.

Você pode comprar uma LFT com R$200, mas para abrir a conta na corretora, vai ser exigido um valor maior de depósito.

Seja qual for o valor, consulte seu banco e bons investimentos!

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook