Atualizado em: 30 abril 2013

Consulta da Nota Fiscal Paulista 1º Semestre de 2013

Veja como você pode realizar a sua consulta e ver o saldo da nota fiscal paulista para o primeiro semestre de 2013.
Você Sabia?
A Nota Fiscal Paulista começou a ser emitida em outubro de 2007, e desde então é um dos incentivos do Governo Paulista.
Consulta da Nota Fiscal Paulista 01

Você já pode realizar a sua Consulta da Nota Fiscal Paulista 1º Semestre de 2013 através da internet. (Reprodução)

Todos os créditos que já foram acumulados no segundo semestre de 2012 já poderão ser resgatados através dos consumidores cadastrados no programa da Nota Fiscal Paulista.

Com isto a liberação que até então se costumava acontecer a partir do dia 1° de abril já estão disponíveis. Até a primeira quinzena de abril para se ter uma idéia, de acordo com a Secretaria da Fazenda de São Paulo, mais de R$ 930,4 milhões ainda deverão ser resgatados por consumidores em todo o estado através do site do programa.

publicidade:

Ainda conforme a divulgação entre os dias 1° e 15 de abril houve os cancelamentos dos créditos que não foram recolhidos no mês de 2008. Conforme a lei o consumidor deverá ter um prazo de cinco anos, estes contados a partir da data em que foram liberados, para que se tenha como realizar o resgate de créditos. Se este prazo se exceder os valores deverão retornar ao Tesouro do Estado.

Como Resgatar?

Os créditos deverão estar dispostos para os consumidores e serem ainda utilizados a qualquer momento dentro de cinco anos. Depois de se realizar a solicitação de resgate, que poderá também ser feita através do site, os valores deverão ser creditados na conta bancária ou mesmo na poupança dos solicitantes em até uma semana.

Todos os cidadãos que realizarem seus cadastros no programa e tiverem interesse em resgatar os créditos deverão acessar o site do Nota Fiscal Paulista, com o número do CPF, caso não tenha cadastro basta criar senha e selecionar a alternativa no próprio sistema “Conta Corrente > Utilizar Créditos”. Uma dica interessante, para as pessoas que costumam informar o CPF nas suas compras porém nunca teve acesso a o programa deverá ser realizado um cadastro no mesmo site para que se possa solicitar a transferência de todos os valores.

Mesmo que o usuário não tenha cadastro no site, todas as solicitações ficam vinculadas através do CPF do usuário, e assim que ele realizar o cadastro e acessar o sistema todas as suas compras onde foi informado o cpf na nota, que obrigatoriamente todos os comerciantes de São Paulo devem pedir para os clientes, estarão disponíveis naquele sistema.

Acesse o Site e Consulte o Seu!

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook