Atualizado em: 14 janeiro 2011

Como controlar o Ciúmes – Terapia

Ciúme gostoso de cuidado, de proteção é um tempero para o relacionamento, mas quando ele começa a passar dos limites, vira doença.

Ciúme demasiado é capaz de destruir os relacionamentos mais harmoniosos, já que o ciumento habitualmente substitui a realidade pela fantasia, cometendo atos muitas vezes impensados.

De acordo com especialistas, o ciumento tende a controlar os passos e limitar a liberdade da pessoa amada, invadindo sua privacidade.

Todos nós sofremos rejeições, frustrações, medos, ciúmes, inveja e neste sentido, não existem sujeitos melhores ou piores.

A questão é como cada um de nós foi capaz, com a ajuda do ambiente, desde a infância, de administrar estas emoções.

Devemos partir do princípio que não somos donos de ninguém e se a pessoa amada está com a gente, é sinal que gosta e quer.

Enquanto a ciência não encontra um antídoto para o ciúme, o jeito é aprender a se controlar.

Para os estudiosos o problema pode ser resolvido se o ciumento se dispuser a buscar e combater suas causas, seja com terapia ou mesmo sozinho.

Baixa auto-estima e insegurança são características que desencadeiam o ciúme.

Para começar a enfrentá-lo, é preciso assumir-se.

Muita gente desconfia do amado, se tortura, mas não assume nem para si “Sim, sou ciumento”.

Existem pessoas que dão motivo para os ciúmes e nestes casos você tem que reavaliar o relacionamento, pois relacionamento tem que trazer alegria, segurança e não ser algo ruim na vida de qualquer pessoa.

Veja abaixo dicas para começar a combater o ciúme:

  • O diálogo em primeiro lugar, sem ofender, sem acusar.
  • Avalie a sua relação. O cara é um fofo e não te dá motivos para ataques? Então por que você vive tendo um?
  • Reflita antes de surtar. Se seu parceiro sai com você toda sexta, mas em uma delas diz que tem um compromisso de trabalho, não fique imaginando coisas. Você pode irritá-lo com acusações descabidas.
  • Algo a atormenta? Não faça uma cena. Chame o namorado para conversar. O diálogo pode esclarecer o mal-entendido ou as fantasias.
  • Ocupe seu tempo e sua mente. Em vez de ficar de bobeira, fuçando o Orkut dele, vá se cuidar. Afinal, ele poderia ter escolhido qualquer uma, mas você foi à eleita. Então trate de se manter bonita, bem informada e com histórias para contar.
  • Permita que ele sinta saudade de você. Isso não vai acontecer se vocês ficarem o tempo todo grudados. Ninguém gosta de viver em uma prisão!

Se nada disso ajudar, procure um profissional para ajudá-la, um bom terapeuta lhe fará bem.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook