Atualizado em: 13 junho 2013

Gonorréia - Sintomas, Tratamento

A Gonorréia é uma doença sexualmente transmissível mas que possui tratamento. Leiam nosso artigo que deixaremos todas as informações importantes sobre ela.
Gonorréia As doenças infelizmente estão em toda a parte e por esta razão precisamos conhecê-las um pouco e hoje falaremos sobre uma das mais antigas doenças venéreas a gonorréia.

A Gonorréia é uma infecção muito antiga que é transmitida através do ato sexual ou de mãe para filho durante o parto normal. Ela é uma das muitas DST, ou seja, doença sexualmente transmissível e é causada por uma bactéria que se prolifera rapidamente nas áreas quentes e úmidas, incluindo boca, garganta olhos e ânus.

A gonorréia não tratada pode causar complicações se espalhando no sangue ou articulações precisando a pessoa infectada se tratar durante toda a vida

Sintomas

  • Mulheres

A doença pode ser confundida com uma cistite porque dói o canal ao urinar e em muitas mulheres os sintomas não aparecem o que pode agravar o quadro.

Os mais comuns são:

  1. Corrimento vaginal
  2. Irritação da vulva e vagina
  3. Dor e/ou ardência ao urinar
  4. Dor no baixo ventre
  5. Febre
  6. Náuseas e vômitos
  7. Dor nas relações sexuais
  • Homem

Após 4 a 7 dias depois do contágio pode começar uma dor ao urinar e uma secreção amarelada no pênis, mas pode levar até 30 dias para começar a aparecer os sintomas. Os testículos também ficam doloridos

  • Bebês

Se a mãe na hora do parto tiver gonorréia poderá passar para o recém nascido causando cegueira, infecção nas articulações e no sangue e colocar a vida do bebê em risco.

Tratamento

Gonorréia O tratamento da gonorréia é feito a base de antibióticos que precisam ser tomados corretamente e pelo tempo descrito pelo médico.

Prevenção

Só o uso de preservativos pode evitar a doença ou se você tiver uma relação monogâmica de longo prazo e tiver a certeza que ele não está infectado. Urinar após as relações sexuais também evita algumas doenças e lavar a região genital com água e sabão após a relação.

Se a doença for diagnosticada é necessário parar de ter relações sexuais até o fim do tratamento e a cura da doença.

No menor sinal de que algo não está bem, procure um médico para que a doença não se agrave e fique muito mais difícil de curar.

Sua saúde é seu maior patrimônio, cuide-se!





Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook