Atualizado em: 13 agosto 2011

Senai Olimpiada do Conhecimento

O SENAI criou em 2001 a Olimpíada do Conhecimento para premiar seus estudantes que se destacam nos cursos que realizam. Leia o artigo e saiba mais sobre esta iniciativa do SENAI.

O SENAI criou em 2001 a Olimpíada do Conhecimento para premiar seus estudantes que se destacam nos cursos que realizam, visando premiar as capacidades de liderança, criatividade e tomada de decisões destes alunos. Sendo que a Olimpíada do Conhecimento é a maior competição de educação das Américas.

A Olimpíada do Conhecimento é a vitrine perfeita para se expor o talento dos jovens estudantes, incentivando o desenvolvimento da competência profissional, desenvolvendo nos alunos a capacidade de superar desafios, preparando-os assim para a realidade do mercado de trabalho. Sendo que os melhores colocados disputam uma vaga no Worldskills, que é o maior torneio internacional de educação profissional, sendo que assim o Brasil pode mostrar o valor da sua educação para o mundo.

publicidade:

Segundo Armando Monteiro Neto, ex-presidente da CNI(Confederação Nacional da Indústria), a Olimpíada do Conhecimento ajuda a criar uma indústria brasileira mais capacitada, capaz de competir globalmente.Prova disso é o desempenho do Brasil no WorldSkills 2007, quando ficou em segundo lugar, à frente de países altamente industrializados como Alemanha, Estados Unidos e Japão.

Para José Manuel de Aguiar Martins, diretor geral do SENAI, a Olimpíada do Conhecimento é mais que um torneio, é parte de um processo educacional que forma profissionais altamente qualificados. Isso confere mais qualidade ao produto nacional.

A Olimpíada do Conhecimento, aberta ao público transforma-se num espaço onde ocorre a interação e a troca de experiências entre a indústria, empresários, estudantes e a comunidade. Além das provas, palestras e exposições atraem mais de 80 mil alunos. Há também a Praça de Cidadania, onde programas do SESI como o Cozinha Brasil e a Biblioteca Móvel entretêm os visitantes e oferecem cursos rápidos para a população. Trabalho conjunto do Sistema Indústria pelo pleno desenvolvimento de toda a sociedade brasileira.

A Olimpíada do Conhecimento começa dentro das escolas do SENAI, ganha destaque estadual e nacional, e os melhores representam nosso país no WorldSkills, o maior torneio mundial de competências profissionais.

Na etapa escolar cada Centro de Formação do SENAI é responsável por escolher seus melhores alunos para a Etapa Estadual. Os competidores devem ter no mínimo 400 horas em cursos de aprendizagem ou qualificação industrial, ou formação técnica de nível médio na área. E ter no máximo 21 anos completos no ano da realização da Etapa Nacional,além de nunca terem participado da Olimpíada do Conhecimento e estarem inscritos em apenas uma modalidade.

Na etapa estadual cada Unidade do SENAI que deseja competir deve elaborar propostas de provas para as ocupações, englobando planejamento, forma de execução e elaboração de produto final, que serão selecionadas para a aplicação na Etapa Estadual. Os melhores colocados se classificam para representar seu estado no Torneio Nacional.

A etapa nacional é semelhante à anterior mas com mais competitividade e responsabilidade e houve uma parceria com o SENAC que possibilitou a inclusão de três áreas do setor de comércio e serviços. Para muitos, é também uma grande vitrine profissional, onde os melhores colocados são disputados por empresas e obtêm excelentes colocações no mercado de trabalho. Esta fase é decisiva para quem sonha em chegar ao WorldSkills, representar nosso país no exterior e conquistar experiência internacional.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook