Atualizado em: 8 fevereiro 2011

Governo do Malawi quer proibir peidos

malawi-fart

Esta é uma dessas leis, que se for aplicada neste país, acho que 100% da população acabaram na prisão, inclusive os próprios criadores da lei e agentes do governo.

publicidade:

O governo da República do Malawi planeja ressuscitar uma velha lei do seu passado colonial em que expelir os gases intestinais e o mau cheiro relacionado ao som questionável deveriam ser criminalizados.

De acordo com o Ministro da Justiça e Assuntos Constitucionais do país, George Chaponda , “O Governo tem o direito de manter a decência pública” e culpou a falta de educação da população devido a um sistema político multipartidário que deu muita liberdade para todos e então acontece que atualmente todos peidam sem a menor preocupação ou constrangimento.

Assumindo que a população tem confundido liberdade com licença para peidar livremente, a proposta será levada ao Parlamento, que irá decidir democraticamente se o cidadão do Malawi pode ou não peidar na frente dos outros cidadãos.

Embora possa parecer bobagem, algumas pessoas estão muito chateadas, não só pelo facto de reviver uma lei colonial, mas também pelo fato de que esta lei estava em vigor até o fim do ditador Kamuzu Banda , em 1994.

Isto é algo trivial ou é mais uma vez, uma dessas leis que parecem bobagem, mas elas representam o início de um período de falta de liberdade?

Fonte da notícia: Nyasa Times

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook