Atualizado em: 19 maio 2011

Libertação dos Escravos

Depois de muita escravidão e sofrimento os negros escravos conseguiram a tão sonhada libertação. Não foi nada fácil e contaremos tudo para vocês neste artigo.
Libertação dos Escravos Sabemos que os escravos passaram muitos sofrimentos na época da escravidão e até que fossem libertados muito horror aconteceu! A libertação dos escravos infelizmente não os libertou do preconceito que continua até hoje.

Quando os portugueses colonizaram o Brasil tentaram fazer dos índios escravos para trabalhar nas lavouras, mas graças aos religiosos esta escravidão não foi levada adiante e os portugueses passaram a ir à África buscar negros para submetê-los ao trabalho escravo em suas colônias.

A forma como eram trazidos já era desumana porque os transportavam nos porões dos navios negreiros e muitos deles morriam durante a viagem. Os que sobreviviam eram comprados por fazendeiros que os tratavam de forma desumana.

A maioria os considerava de classe inferior pela cor da pele, mas uma minoria não concordava e estes eram chamados de Abolicionistas. Infelizmente a escravidão durou por quase 300 anos por causa dos interesses econômicos e as providências para a libertação dos escravos foi sendo tomada lentamente.

Libertação dos Escravos Mas em 1870 na região sul do Brasil começaram a pegar mão de obra de imigrantes principalmente italianos para trabalhar nos engenhos e com isso a escravidão foi diminuindo. O tráfico negreiro foi proibido em 1850 e vinte anos mais tarde a lei do Ventre Livre foi declarada no dia 28 de setembro o que foi um grande passo já que tornava livres os filhos de escravos que nascessem a partir desta data.

Outro grande avanço foi a Lei Sarava-Cotegipe que beneficiava os negros de mais de 65 anos, mas até esta idade eles trabalhavam e eram muito judiados e perseguidos.

Libertação dos Escravos

Somente no dia 13 de maio de 1888 através da Lei Áurea que finalmente a liberdade tão merecida foi alcançada pelos negros brasileiros.

Esta lei foi assinada pela Princesa Isabel e aboliu de vez a escravidão.

Infelizmente ao serem alforriados os negros não sabiam o que fazer com a sua liberdade porque não tiveram nenhum amparo do governo e uma maioria continuou nas fazendas onde trabalhavam, mas ganhando salários irrisórios, outros foram para as grandes cidades e acabaram na marginalidade.

Deram a liberdade, mas nunca os ensinaram a usá-la!

Feriado

Libertação dos Escravos O dia 13 de maio já foi feriado nacional e deixou de ser muito embora datas como 13 de maio e 20 de novembro deveriam ser dias que devêssemos comemorar e conscientizar nosso país contra o racismo e tantos preconceitos.

 


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook