Atualizado em: 13 novembro 2013

Nome do Itaquerão Poderá ser de Empresa Aérea ou de Cervejaria

Empresa aérea, petroleira ou cervejaria podem nomear estádio do Corinthians, portanto fique atento as informações abaixo e fique bem informado
Você Sabia?
Que a idéia do estádio surgiu em 1967, quando o Governador de Louisiana, John J. McKeithen, foi assistir um jogo de baseball no Astrodome.
dco_out2013

Com mais de 90% das obras do Itaquerão concluídas

O Itaquerão, novo estádio de futebol do clube Corinthians e local de abertura da Copa do Mundo de 2014, já está quase pronto (90% das obras concluídas), mas ainda lhe falta um nome. A diretoria do clube vem encontrando com algumas marcas internacionais e nacionais para negociar o direito de dar nome ao grande estádio.

O Corinthians confirma as negociações, mas deixa o resto muito velado, e o ex-presidente do clube, Andrés Sanchez, que vem fazendo essas negociações, desconversa quando perguntado sobre as negociações.Mas, baseado nas viagens de Andrés e nos encontros da diretoria do Corinthians, temos alguns candidatos.

publicidade:

Companhia Aérea

Andrés viajou para os Emirados Árabes para negociar a possibilidade da companhia aérea Emirates dar ao Itaquerão seu nome. Isso fará do estádio, uma espécie de irmão do estádio do Arsenal, clube inglês dono do Emirates Stadium.

Outras Empresas

A diretoria ainda não deu nomes, mas confirmou que uma cervejaria, uma petrolífera e uma montadora de automóveis também estão no páreo junto com a companhia aérea dos Emirados Árabes. A diretoria do clube espera ter concluído essas negociações e já ter o novo nome até o final do ano.

O Corinthians está na segunda tentativa de negociar a nomeação do estádio. Em abril tentou vender o direito para a cervejaria Itaipava, mas os valores que o clube pediu foram assustadores para a cervejaria e a negociação não deu em nada. Alguns especuladores apostam que a cervejaria voltou ao páreo depois que o clube resolveu abaixar os valores.

Problemas com a Imprensa

Mas, Andrés já culpa de antemão a imprensa brasileira caso suas negociações não derem certo. Para ele, o que importa para os patrocinadores é o que sai na imprensa, e a imprensa brasileira teima em dar apelido ao estádio e provavelmente vai continuar chamando-o de Itaquerão, Fielzão ou até Arena Corinthians.

A imprensa acusa Andrés de estar tentando culpar alguém caso o fracasso de abril se repita, e que não tem outra alternativa a não ser chamar o estádio por seus “apelidos”, já que o estádio não foi nomeado ainda. Até segunda ordem, é Itaquerão.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook