Atualizado em: 8 outubro 2012

Concurso para TRF 4ª Região RS 2012 /2013

Saiba mais sobre o concurso do Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região e veja como fazer a sua inscrição.
Você Sabia?
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região - TRF 4ª Região, atende os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná!

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região – TRF 4ª Região, atende os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. (Divulgação)

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região – TRF 4ª Região, abriu inscrições para a realização de concurso público, Sendo que serão disponibilizadas 3 vagas para Porto Alegre, no Rio Grande do Sul e Florianópolis, em Santa Catarina, assim como será formado um de cadastros de reserva para Florianópolis e Curitiba, no Paraná.

Vagas

As vagas são para o cargo de Analista Judiciário nas funções de Arquivologista, Engenheiro Civil, Engenheiro Elétrico e Médico Psiquiatra. Sendo que a jornada de trabalho é de 40 horas semanais, exceto para o cargo de Psiquiatra, que terá uma jornada de trabalho de apenas 20 horas. A remuneração prevista é de R$ 6.551,52 sendo exigido que os candidatos possuam nível superior nas respectivas áreas.

publicidade:

Inscrição

A entidade responsável pela realização do concurso é a Fundação Carlos Chagas, sendo que as inscrições devem ser realizadas até o dia 26 de outubro de 2012, através da internet no endereço eletrônico – www.concursosfcc.com.br – e a taxa de inscrição é  de R$ 100,00.

Este concurso terá provas objetivas e discursiva, sendo as provas terão 30 questões de conhecimentos gerais, sobre português e noções de Direito, e 40 questões de conhecimentos específicos,com exceção do cargo de Psiquiatra, que fará prova com 30 questões de conhecimentos específicos.

As provas vão ser aplicadas no dia 16 de dezembro de 2012, no turno da manhã, nas cidades de Curitiba, Porto Alegre e Florianópolis. Este concurso terá prazo de validade de um ano, a partir da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado pelo mesmo período, ficando essa decisão a critério do Tribunal Regional Federal da 4ª Região.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook