Atualizado em: 11 abril 2012

Concurso Defensoria Pública do Estado de São Paulo 2012

Saiba mais sobre o concurso da Defensoria Pública do estado de São paulo e veja como se processará a seleção.

A Defensoria Pública do estado de São Paulo abriu inscrições para concurso público no dia 07 de março, sendo que as inscrições vão até as 14:00 horas do dia 11 de abril de 2012 (horário de Brasília).

As inscrições devem ser efetuadas através do site da Fundação Carlos Chagas:

publicidade:

www.concursofcc.com.br

A taxa de inscrição do concurso é de R$ 215,00 e deve ser paga até o dia 11 de abril.

Sendo que terão direito a isenção total da taxa de inscrição os candidatos que tiverem doado sangue pelo menos três vezes num período de doze meses, a contar da data de encerramento das inscrições de isenção (09 de março).

Também os candidatos que comprovarem ser estudantes e terem remuneração mensal inferior a dois salários mínimos ou estiverem desempregados tem direito à redução de 50% do valor da inscrição. As inscrições com pedido de isenção puderam ser efetuadas somente até o dia 09 de março.

O concurso da Defensoria Pública será composto de três provas escritas e uma prova oral, de caráter eliminatório e classificatório. Todas as provas serão realizadas na cidade de São Paulo. As Primeira, Segunda e Terceira Provas Escritas serão realizadas em datas distintas, no período da manhã, tendo a duração de 4 (quatro) horas cada uma.

A data, o horário e o local da realização da primeira prova escrita serão informados pelo Conselho Superior da Defensoria Pública no Diário Oficial do Estado de São Paulo. O Conselho também divulgará, após o resultado da Primeira Prova Escrita, as datas, os horários e os locais da realização das provas seguintes.

A aplicação da Primeira Prova Escrita está prevista para o dia 20 de maio. A Segunda e a Terceira Prova Escrita têm data prevista de aplicação para 24 de junho e 1º de julho, respectivamente. De 2 a 5 de outubro ocorrerão a Prova Oral e entrega de títulos.

O concurso tem prazo de validade de 2 (dois) anos, podendo ser prorrogado por igual período uma única vez, a critério do Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado.

 

 

 

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook