Atualizado em: 13 outubro 2011

Futuro brilhante para o Windows Phone 7

Windows-Phone-7-LogoO Microsoft Windows Phone 7 escalará posições no ranking dos smartphones para se tornar o segundo sistema operacional mais utilizado em 2015, logo atrás da plataforma Android, da Google. Essas foram as previsões apresentadas em um relatório da empresa de pesquisa IDC, que profetiza que a Microsoft irá superar o IOS Apple e o Blackberry, da Research in Motion.

 

PREVISÕES

Traduzido em dados, os smartphones Android continuarão a dominar quase metade do mercado mundial (45,4%), seguido pelo Windows Phone, com 20,9%. A uma certa distância se seguiria o IOS da Apple, com 15,3%; BlackBerry da RIM, com 13,7% e o Symbian da Nokia, com uma quota de mercado de 0,2%. Um indefinido pedaço deste bolo, chamado “outro”, possivelmente incluindo o webOS da HP, levaria os 4,6% restantes.

publicidade:

 

ALIANÇA NOKIA – MICROSOFT

Boa parte deste sucesso é explicado pela recente parceria com a Nokia para fazer os novos smartphones da fabricante finlandesa rodarem o sistema operacional WP7. “Até o lançamento do Windows Phone 7 no ano passado, a Microsoft tem perdido sua quota de mercado, enquanto outros sistemas operacionais têm criado novas e emocionantes experiências” disse Ramon Llamas, analista da IDC. “A nova aliança combina as capacidades da plataforma de hardware da Nokia e o diferencial do Windows Phone”, que poderia alterar as cifras obtidas por Redmond (sede da Microsoft) no campo da telefonia.

Por enquanto, a Microsoft diz que o ecossistema do Windows Phone 7 atingiu 9.000 aplicações, com uma base de 32.000 desenvolvedores. Mas a empresa tem sofrido com as limitações relacionadas com a atualização de software para sua plataforma, que atraiu a ira de alguns usuários. “Nossos números são semelhantes aos resultados de outras plataformas de primeira geração”, admite Achim Berg, vice-presidente de negócios e marketing para Windows Phones. “Leva tempo para educar os parceiros e consumidores sobre o que estamos entregando, e gerar interesse nesta nova oferta”.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook