Atualizado em: 18 maio 2010

Primeiro Aston Martin Rapide

Aston Martin Rapide tem tido uma vida incerta. Foi exibido pela primeira vez ao mundo em 2006 no North American International Auto Show, em Detroit, desde então, foi colocado em espera por Ford (ex-proprietários do Aston) e depois revivida por David Richards o chefe do consórcio e atual proprietário.

publicidade:

Os planos da britânica Aston Martin eram já ter lançado o carro há alguns anos, mas a crise que quase levou à fabricante a falência impediu que isso ocorresse. O projeto data da época que a Ford ainda era dona da marca, mas como podemos ver pelas fotos ele ainda é atual e inovador.

O agente secreto mais conhecido do mundo vai poder levar a família em sua próxima aventura. James Bond, ou apenas 007, fã de carros esportivos que já dirigiu quase tudo que anda terá a disposição o primeiro Aston Martin fabricado com quatro portas. O Rapide, que foi mostrado ao mundo em 2006 no Salão de Detroit, teve seu lançamento confirmado no Salão de Frankfurt.

Enquanto a Aston Martin começa suas atividades no mercado brasileiro, inclusive com algumas unidades encomendadas e uma meta de vender entre 20 e 40 unidades até o fim do ano, o primeiro modelo de quatro portas da tradicional fabricante inglesa sai da linha de montagem.

O modelo chegará ao mercado para brigar lado a lado com o recém lançado Porsche Panamera, que até então nadava sozinho no segmento esportivo de quatro portas. Assim como o filho do 911, o Rapide abusou da sofisticação e conforto. O modelo terá espaço para quatro pessoas, sentadas individualmente. São oito opções de acabamento, um som de 1000 watts em um sistema de áudio da Bang & Olufson e monitores em todos os bancos.

Na parte mecânica, o Rapide vai contar com um poderoso motor V12, 6.0 litros, capaz de produzir 470 cavalos de força. A aceleração de 0-100 km/h é feita em 5,3 segundos. E a velocidade máxima chega a impressionantes 303 km/h.

O Rapide será exportado para 34 países e ficará exposto em 125 showrooms do mundo. Vêm equipados com motor V12 6.0 de 470 cavalos. No mercado norte-americano vai custar a partir de US$ 199.950. No Brasil, deverá chegar por cerca de R$ 800 mil, acima do preço do V8 Vantage que custa R$ 700 mil e abaixo do DB9  que tem um valor médio de R$ 900 mil.

Agora é ficar de olho e aguardar esta maravilhosa máquina que já tem representação oficial aqui no Brasil.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook