Atualizado em: 16 fevereiro 2012

Macacos fogem do zoológico após estourar cadeado

Será mesmo que os macaquinhos foram espertos, ou estavam em busca de aventura, leia e entenda o que realmente levou os macacos-prego a estourar o cadeado e fugirem do zoológico de Curitiba!
Você Sabia?
Devido à destruição de seu habitat natural, assim como ao tráfico desse animal, os macaco-pregos estão na lista dos animais considerados ameaçado de extinção.

Mais do que bizarro, todos sabem que, os macacos muito inteligentes e enfim, sabem o que fazer para conseguirem algo não é mesmo? Imagine você, um total de oito macacos da raça prego, fugiram de um zoológico em Cascavel (a 498 km de Curitiba)!

De acordo com informações, o zoológico deve reabrir hoje (Foto: Reprodução/ Macaco Prego).

 Entenda a fuga

O caso ocorreu na madrugada desta quarta-feira, o zoológico passou o dia todo fechado. De acordo com informações, os animais, todos da mesma família, ficaram brincando com os cadeados durante a noite toda, até que conseguissem quebrá-lo, assim foi divulgado em nota através do site folha.

publicidade:

De acordo com informações, os macacos conseguiram quebrar o cadeado, e não contentes, eles ainda levaram o objeto embora, e mais, os animais de espalharam pela área de 17,9 hectares do zoológico.

Temos que ser realistas, esta espécie de macacos, sem dúvidas, são as mais ligeiras, e mais, dependendo de como eles estiverem presos em determinados lugares, facilmente eles escapam.

Achando não ter sido uma boa ideia, a mãe dos filhotinhos, a macaquinha Liza, “se arrependeu” da fuga e retornou ao recinto horas depois. No início da tarde, o filhote Ceará foi recapturado pelos funcionários.

Outro filhote que estava junto do bando, foi visto e tentou ser pego pelos funcionários do zoológico, mas sem sucesso, não houve possibilidades, ele escapou.

Foram feitas algumas armadilhas para recapturar os animais, porém não se sabe ao certo se terão bons resultados, todos sabem não é, estes animais, além de muito espertos, eles vivem por si e não pelos humanos, ainda mais sendo animais novos, eles acabam querendo correr e ficar migrando de um lugar para o outro.

Aos que encontrá-los, cuidado

Segundo a direção, os animais estavam em uma área de manejo porque o recinto deles passa por manutenção, por isso deu no que deu e os amiguinhos fugiram do zoo.

Bióloga chamada Vanilce Pereira de Oliveira que cuida dos animais, ela avisa que, as pessoas que tiverem contato com os animais não devem alimentá-los, pois isso pode os trazê-los de volta ao cativeiro.

Valnice diz que, os macacos não representam risco para as pessoas, mas alerta para que não se aproximem. “Eles são animais silvestres. Se sentirem-se ameaçados podem ter uma reação inesperada.”

O zoológico deve reabrir hoje. A área dos macacos ficará isolada até que os seis animais restantes sejam encontrados. Segundo a direção, os fujões podem voltar espontaneamente em busca de comida.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook