Atualizado em: 10 outubro 2011

Gel Apitoxina

A picada de uma abelha pode se tornar letal para o ser humano. Mas com a extração do veneno de uma abelha pode-se fazer um excelente remédio. Leia e saiba mais

gel de apitoxinaA picada de uma abelha pode se tornar letal para o ser humano. Mas com a extração do veneno de uma dessas criaturinhas, foi descoberto um remédio infalível para o tratamento de pacientes que sofreram algum tipo de queimadura no corpo. Isso mesmo, o gel de apitoxina pode ser usado para o tratamento de queimaduras.

Uma turma de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), descobriram que a partir da extração do veneno da abelha, pode-se criar um gel que pode ajudar na cura de pacientes que estão internados por acidentes com queimaduras. O gel é aplicado em forma de uma pasta, mas ao entrar em contato com a pele vira um gel transparente.

publicidade:

Como é Produzido o Gel de Apitoxina?

gel de apitoxinaPara a produção de 1 grama deste remédio são necessários 10 colméias bem cheias. Então em volta da colméia é instalado uma proteção de folhas de vidro, e para que nenhuma outra substância danifique o produto, as voltas das folhas de vidro são cobertas por borrachas que tampam o veneno de qualquer exposição a outros agentes da natureza.

Um fator muito importante, é que são gastos por mês com a produção de 1kg do veneno R$30.000. Esse valor é tão alto porque as colméias precisam de um descanso após a retirada do veneno, e este descanso é de 3 dias, ou seja, as colméias só poderam ser limpas do veneno após três dias da primeira retirada, o que atrasa muito a produção.

Mas produção atrasada ou não, o importante é que este maravilhoso e santo remédio é natural, e quase não tem efeitos colaterais, os unicos que constam são os de hipersensibilidade, ou alergias. Caso contrário, se tem uma queimadura grave, e precisa de um tratamento, mas tem medo dos produto aplicados em hospitais comuns, você agora tem a opção de escolher por um produto natural.

Dica dada, aproveite essa maravilha produzida pela nossa natureza.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook