Atualizado em: 7 outubro 2011

Fotos de mulheres ruivas


No mundo da estética elas são chamadas de poderosas ruivas. Mas, para a ciência, o fenômeno dos cabelos parecidos com cor de fogo se chama Rutilismo.

Ruivas ou mulheres rutílicas é um fenômeno genético responsável pela ocorrência de cabelos ruivos, ou seja, pêlos e também cabelos em tons vermelho ou avermelhada.

publicidade:

Ciência à parte o que se pode dizer é que há muita mulher ruiva, exótica e dona de uma beleza extremamente diferenciada, principalmente em um país como o Brasil onde, sem dúvidas, predominam as morenas e a versão de mistura de raças da mulher.

Mulheres ruivas sobre pele branca então faz todo o diferencial na composição de uma beleza única e extremamente atrativa para os olhos do homem. Muitos já foram os debates sobre das quais o homens gostam mais se são das loiras, morenas ou ruivas.

Mas, em questão de novidade, sem dúvidas são as ruivas quem mais chamam a atenção.

GENÉTICA

Foi no ano de 1197 que se descobriu o que geneticamente forma um mulher ruiva. Daí se soube que a bioquímica dos cabelos ruivos se unem ao receptor da melanocortina 1 que é parte da composição do ferro.

Acredita-se que o gene recessivo influencia nisso por isso todos os ruivos apresentam variantes na região MC1R do cromossomo 16.

TERMOS

O ruivo possui várias outras denominações como rufícomo, russícomo, rubícomo, rubicápilo e o hipocorístico latino rubi capital. Mas, com nomes a parte, tem muita mulher que tem sua rara beleza destacada com cabelos em tons fortes, vermelhos que reluzem a o sol.

LUGAR

No mundo, é na Inglaterra o lugar com o maior número de ruivos. Ainda mais na Escócia se calcula que de 10 a 13% da população escocesa tenha cabelos avermelhados. E acreditem, as primeiras pessoas ruivas são africanas e de lá foram que migraram para a Europa.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook