Atualizado em: 10 outubro 2011

Drenagem Linfática

Drenagem Linfática

O método de drenagem linfática manual nasceu em Paris, em 1932, e foi desenvolvido pelo terapeuta dinamarquês Emil Vodder por isso, esse método é mais popular na Europa que no Brasil. Essa massagem é altamente especializada, por isso deve ser realizada por fisioterapeutas ou profissionais com profundos conhecimentos de anatomia e fisiologia do sistema linfático. Ao contrário do que se pensa, a Drenagem Linfática não dói e se bem empregada pode combater um dos maiores inimigos da mulher: a celulite.

publicidade:

Drenagem Linfática

A massagem é feita com manobras suaves, lentas, rítmicas e relaxantes, com os dedos ou as mãos de acordo com a área do corpo. Uma pressão que cause dor pode romper vasos e formar hematomas, trazendo complicações para o paciente. Também se deve ter conhecimento de que os capilares linfáticos estão localizados logo abaixo da pele e acima dos músculos, portanto essa história de “Drenagem Linfática Profunda”, não existe.

Corra de clínicas que prometam fazer esse método com ajuda de aparelhos que intensificam a massagem. A Drenagem Linfática é manual, porque só manualmente se consegue respeitar a fisiologia do sistema linfático. Também se engana quem espera por uma massagem pelo corpo todo, pois a Drenagem Linfática é direcionada. Apesar de durar em média uma hora e meia, é realizada somente na região necessária. É indicada também em casos pós cirurgico.

Drenagem Linfática

Um dos benefícios desse método de massagem é que estimula a circulação, regenera os tecidos e tem efeitos relaxante.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook