Atualizado em: 7 março 2012

Botox Capilar - Conheça esta prática contra queda de cabelos

Chegou ao mercado de cosméticos o novo produto que promete alisar e diminuir o volume dos fios, sem danificar. Ele é o botox capilar e age direto no foco do problema
Você Sabia?
Ricardo Moreno é o cabeleireiro que criou a técnica do botox capilar e dá dicas importantes sobre o seu uso. Moreno adianta que não há um tempo determinado para que o procedimento permaneça no cabelo, isso irá depender do cuidado e tratamento dado aos fios.
Botox Capilar

Botox Capilar: A nova técnica para rejuvenescer os cabelos e oferecer a eles mais brilho (Foto: Divulgação)

Encontraram mais uma utilidade para o famoso botox, mas dessa vez ninguém irá aplicá-lo na pele, para dar aquele ar de rejuvenescimento e acabar com as rugas e os pés de galinha. A novidade agora é o botox capilar, utilizado pelos cabeleireiros para diminuir o volume dos cabelos, alisá-los, eliminar as desagradáveis pontas duplas, entre outras funções que o público feminino, principalmente, vai adorar.

O botox capilar reconstrói as fibras dos cabelos, é como ele faz com o preenchimento das rugas da pele, mas nesse caso se trata dos fios e não tem contra indicação, basta estar com as madeixas com a estrutura comprometida e querer se submeter ao tratamento.

publicidade:

É importante explicar a diferença fundamental entre o botox facial e o capilar. O primeiro utiliza uma toxina chamada botulínica, por esse motivo as marcas de expressão podem ser “paralisadas”, além do que o preço é diferente entre um e outro.

Os profissionais do ramo que deram suas opiniões aprovam o tratamento estético e explicam por quais razões o produto é eficaz. A grande diferença dessa nova descoberta para os outros que também prometem alisar e tirar o volume, é que o botox capilar age apenas nas mechas danificadas, o que está em perfeito estado continua inalterado, logo ele é recomendado somente nos casos realmente necessários.

Recomendações de uso

  1. Testar em uma mecha para verificar a manifestação de alguma alergia, pois o principal componente da fórmula é a amônia;
  2. Aplicar com um profissional preparado e evitar utilizar o botox capilar em casa;
  3. Não usar o produto no mesmo dia em que passou qualquer outra substância química nos cabelos;
  4. Ao passar a prancha nos cabelos deixe-a a uma temperatura entre 170º e 200ºC;
  5. Manter a manutenção a cada três meses.

O preço do tratamento custa de acordo com o profissional que irá aplicá-lo, cada um verifica a necessidade do cabelo, o comprimento e trabalha segundo as suas regras.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook